Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
13/06/14 às 18h28 - Atualizado em 30/10/18 às 15h11

Ações de saúde para a Copa foram tema de reunião em Samambaia

COMPARTILHAR

Regional será referência para cirurgias clínicas

A Secretaria de Saúde (SES/DF) anunciou no início do mês as ações de saúde para a Copa do Mundo. De acordo com o plano operacional definido para a área da Fan Fest, em Taguatinga, o Hospital Regional de Samambaia (HRSam) será unidade de referência para cirurgias clínicas. Para planejar as ações, gestores e servidores de Samambaia promoveram uma série de reuniões prevendo um possível aumento da demanda no período.

Na quinta-feira (12), a regional realizou a última reunião, antes do início da Copa, a fim de promover os ajustes necessários e garantir o cumprimento do que foi estabelecido no plano de ação da unidade.

“Nossas reuniões objetivaram o desenvolvimento de planos específicos para o fortalecimento das atividades de detecção, monitoramento e resposta frente à ocorrência de potenciais emergências de saúde, como um desastre ou surgimento de riscos e agravos incomuns ou desconhecidos do Sistema Nacional de Vigilância Sanitária”, informou a coordenadora-geral de Saúde de Samambaia, Paula Garcia de Araújo.

O planejamento visa diminuir danos no caso de possíveis desastres, com prestação de um pronto atendimento aos pacientes, com vistas a garantir também a manutenção do atendimento ao restante da população.

Em caso de necessidade, a unidade contará também com o apoio da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Samambaia, dos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS Transtornos e CAPS Álcool e Drogas) e da Atenção Primária à Saúde.

As ações contemplam questões sobre o fluxo de chegada de ambulâncias, identificação de pacientes e seus pertences, readequação de espaços, possíveis convocações de servidores que não estavam escalados, segurança, entre outros assuntos.

Além do HRSam, que será referência em cirurgias clínicas, as demais unidades que darão suporte à Fan Fest são Hospital Regional de Taguatinga (HRT), referência em clínica médica, Hospital Regional de Ceilândia (HRC), em trauma, e Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Ceilândia, no atendimento de emergência clínica e pediátrica.

O plano operacional da SES/DF para os dias de jogos em Brasília e dias de jogos do Brasil contempla estratégias nos hospitais de referência da área central de Brasília (HBDF, HRAN e HMIB); no Centro Integrado das Ações de Saúde (CIAS); ações da Vigilância à Saúde; SAMU; postos médicos nas proximidades do Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha e Fan Fest; entre outras ações.

Iêda Oliveira, da Agência Saúde DF

Foto Renato Araújo