Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
27/08/19 às 17h44 - Atualizado em 27/08/19 às 17h44

Adolescentro foi local escolhido para reunião semanal de gestores da Saúde

COMPARTILHAR

Pauta tratou do fluxo de pacientes da unidade e o atendimento oncológico na rede

 

O Adolescentro foi a unidade escolhida para a reunião semanal de gestores da Secretaria de Saúde, nesta terça-feira (27). O encontro foi iniciado com uma técnica de respiração polarizada, que ajuda a reduzir o estresse. Em seguida, o grupo circulou pelo espaço, referência em atendimento a adolescentes com transtornos psicológicos.

“Apesar da pauta da reunião ser relacionada ao câncer, acabamos tratando de assuntos referentes ao trabalho do Adolescentro. O espaço é acolhedor e é um serviço da Secretaria de Saúde que não tem fila”, destacou a secretária adjunta de Assistência, Renata Rainha.

 

Durante vista à unidade, além de conhecer o trabalho desenvolvido, os superintendentes regionais de saúde e gestores das atenções primária e secundária discutiram o fluxo de encaminhamento dos pacientes atendidos no Adolescentro.

 

Uma das sugestões, feita pela superintendente da Região de Saúde Sudoeste, Lucilene Florêncio, foi que os adolescentes de alta do Adolescentro fossem encaminhados para a atenção secundária e não para as unidades básicas de saúde, como está previsto. “O modelo de atenção primária mudou e é preciso atentar-se a isso, para que as regiões consigam fazer o acompanhamento desses adolescentes de forma correta”, destacou. A proposta foi bem recebida pelos colegas.

 

Segundo Renata Rainha, a ideia é que os profissionais do serviço especializado participem de matriciamento com os servidores de outros níveis de atenção, para que os pacientes sejam acolhidos em suas regiões. “O Adolescentro é para acolher casos mais graves e, assim que estiverem estabilizados, voltem para suas regiões”, diz Rainha.

 

Após a visita à unidade, os gestores assistiram a uma apresentação de dados de monitoramento de casos de câncer e atendimento.

 

Alline Martins, da Agência Saúde

Foto: Mariana Raphael/Saúde-DF

Leia também...