Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
19/04/17 às 21h28 - Atualizado em 30/10/18 às 15h17

Ceilândia e Plano Piloto recebem ações contra Aedes aegypti

COMPARTILHAR

Atividades priorizaram a prevenção e orientações à população

BRASÍLIA (19/4/17) – A região central de Brasília e localidades de Ceilândia receberam, nesta quarta-feira (19), ações de conscientização e prevenção contra o Aedes aegypti. Foram contemplados os setores Pôr do Sol e P Sul, em Ceilândia, e hoteleiros Norte e Sul, no Plano Piloto.

Cerca de 25 veículos, entre carros do Detran, Secretaria de Saúde, bombeiros e polícia percorreram ruas de Ceilândia onde há maior índice de casos de dengue para fazer o alerta e apontar métodos de prevenção.

“Escolhemos os setores Pôr do Sol e P Sul porque são as regiões de Ceilândia que estão apresentando casos confirmados de dengue. Desde janeiro, foram 87 casos registrados em toda Ceilândia”, informa o gerente de áreas programáticas da Região Oeste, Paulo Ricardo Cardoso.

Ele lembra que, no mesmo período do ano passado, foram registrados 1,3 mil casos da doença. “Conseguimos reduzir muito e, por isso, continuamos com as campanhas de conscientização, para que os índices continuem diminuindo”, observa.
As ações em Ceilândia são realizadas mensalmente. Em maio, será promovida uma passeata com alunos de escolas públicas, com apoio do Bombeiro Mirim.

SETOR HOTELEIRO – Nos setores hoteleiros Norte e Sul, além das ações contra o mosquito, também foram desenvolvidas atividades contra ratos.

Na área Sul foram vistoriados 27 imóveis, sendo 18 hotéis. Além de orientações sobre educação ambiental e acondicionamento de resíduos pela Vigilância Ambiental e pelo SLU. Não foram encontrados focos de mosquito. Um dos hotéis recebeu desratização e nos demais o trabalho será feito ao longo da semana.

No Setor Hoteleiro Norte, 12 hotéis foram vistoriados. Nas áreas públicas, foi feito tratamento com raticida em pó em tocas e trilhas. Ao todo, nove agentes de vigilância ambiental trabalharam nesta área.