Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
21/05/13 às 15h06 - Atualizado em 30/10/18 às 15h05

Ceilândia intensifica mobilização contra a dengue

COMPARTILHAR

Saúde realiza blitz educativa no Sol Nascente

Na sexta-feira (24), técnicos da Coordenação Geral de Saúde de Ceilândia, Detran e Polícia Militar promoverão uma blitz educativa sobre a dengue, nas proximidades do Condomínio Sol Nascente. Será feita abordagem e distribuição de material informativo para motoristas e pedestres, das 9h às 16h.

“Diante do cenário epidemiológico grave, com várias situações de surtos de dengue em Ceilândia, é necessário intensificar as campanhas de conscientização da população. Por isso resolvemos realizar ações educativas como esta blitz. Esperamos que possam contribuir para amenizar a proliferação do mosquito Aedes aegypti”, ressalta a coordenadora-geral de Saúde de Ceilândia, Lucimar Gonçalves Zero.

A blitz será montada no final da Avenida Hélio Prates, próximo à Feira do Produtor e Fundação Bradesco, na entrada do Condomínio Sol Nascente. Os agentes da Vigilância Ambiental (AVA) e Comunitários de Saúde (ACS) entregarão aos motoristas o checklist, apontando atividades simples que não levam mais de dez minutos para serem realizadas diariamente, e que podem eliminar a dengue.

Em Ceilândia, já foram notificados mais de mil casos suspeitos de dengue. Lucimar Gonçalves reforça que é “preciso que cada morador faça a sua parte, eliminando qualquer foco do mosquito e siga as orientações dadas pelos técnicos”.

Segundo informações do Grupo Intersetorial de Planejamento de Ações e Combate à Dengue (Geiplan), composto por diversos órgãos do Governo do Distrito Federal, Administração de Ceilândia, SLU, Agefis e Universidade de Brasília, no mês de março houve uma mobilização próxima ao condomínio Privé, com uma blitz na BR 070. Além disso, 70 toneladas de lixo foram retiradas das QNPs 10 e 12 e professores sensibilizaram os alunos das escolas públicas de Ceilândia sobre os riscos da dengue, durante atividades realizadas em sala de aula.

Ascom/CGSC

Leia também...