Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
25/10/13 às 12h56 - Atualizado em 30/10/18 às 15h08

Centro de Saúde do Lago Sul começa ser reformado

COMPARTILHAR

Unidade terá toda a parte elétrica e hidráulica substituída

 

            Iniciou nesta semana a reforma do Centro de Saúde Número 5, localizado na QI 23 do Lago Sul, com o objetivo de melhorar a qualidade do atendimento aos pacientes e servidores.   

            A Secretaria de Saúde do Distrito Federal investirá R$1,29 milhão na obra que substituíra toda a parte elétrica e hidráulica, além da substituição da telha de amianto causadora de câncer.

“Após 32 anos sem grandes reformas, conseguimos atender as reivindicações da população que exigia melhoria na estrutura. O posto apresenta graves problemas estruturais, dentre eles, no encanamento que é antigo e tem causado falta de água, rachaduras e transbordamento de esgoto. A própria Caesb já reclamou”, explica a coordenadora geral de Saúde da Asa Sul, Roselle Bugarin Steenhower. 

            Segundo a Diretoria Regional de Atenção Primária a Saúde (Diraps-Sul), Glória Regina Bortone de Sá, para a população não ficar desassistida, a Diraps realizou um levantamento dos usuários do centro de saúde e identificou que 80% dos pacientes não são moradores da região.

            “Observamos que a maioria dos pacientes atendidos na unidade reside no Jardim ABC, Paranoá e São Sebastião. A partir desse dado, distribuímos os funcionários em locais estratégicos para que a população não ficasse sem atendimento”, relata Glória Bortone.

            Os profissionais foram realocados nas seguintes unidades:

  • Centro de Saúde Número 7 (612 Sul)- Homeopatia, Odontologia e Pediatria;
  • Centro de Saúde Número 8 (514/515 Sul)- Diabetes, Ginecologia Odontologia e Pediatria;
  • Hospital Materno Infantil de Brasília- Nutrição;
  • Posto de Saúde de São Sebastião- Ginecologia, Pré-Natal e Clínica Média;
  • Posto de Saúde do Paranoá- Clínica Médica e Odontologia.

            A diretora também explica que a área de imunização, a mais utilizada pelos moradores do Lago Sul, permanecerá na região. O paciente que quiser se vacinar poderá procurar o novo posto no prédio da Inspetoria de Saúde localizado na QI 13.

“Chegamos a vacinar cerca de duas mil pessoas por mês. Como a procura por esse serviço é muito grande, decidimos continuar com a imunização no Lago Sul. Já as aulas de lian gong e tai chi chuan, realizadas para a população local continuarão na área externa do Centro de Saúde Número 5”, concluí Glória. 

 

Saiba mais:

O usuário que quiser saber mais sobre os locais de atendimento ou seguir o profissional de saúde que já o atendia, poderá tirar suas dúvidas através do número da Diraps Regional Sul: 3445-7595.

           

Ludmila Mendonça 

Leia também...