Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
12/03/15 às 22h15 - Atualizado em 30/10/18 às 15h12

HRT recebe visita do governador e do secretário de Saúde do DF

COMPARTILHAR

Essa foi a primeira de uma série de inspeções que serão feitas nas regionais

BRASÍLIA (12/3/15) – O Hospital Regional de Taguatinga (HRT) recebeu, na tarde desta quinta-feira (12), a visita do governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, e do secretário de Saúde, João Batista de Sousa. Essa foi a primeira de uma série de inspeções que serão feitas por ambos nas regionais de saúde do DF.

“As visitas são para conhecer a realidade dos hospitais. Temos uma rede ampla, que recebe um grande contingente de pessoas do DF e de outras unidades da Federação. Temos enormes desafios e estamos tentando resolver”, observou Rollemberg.

O governador lembrou que a nova gestão recebeu a rede com muitos problemas, como falta de medicamentos e vários leitos fechados. “Já repusemos 90% do estoque de remédios, abrimos 50 leitos de UTI, mas temos imensos desafios pela frente e visitar o hospital é conhecer a realidade para podermos enfrentar melhor essa situação”, completou o Rodrigo Rollemberg.

Após a visita, o secretário de Saúde observou que apesar de problemas estruturais, o HRT, construído há mais de 40 anos, ainda tem muitas coisas boas e é referência em muitos procedimentos. “E ainda temos muitos projetos para ele, como por exemplo, para o atendimento oncológico. Vamos colocar um acelerador linear para essa área em breve”, informou João Batista.

CRÍTICAS E ELOGIOS – Durante a visita, tanto o governador quanto o secretário receberam críticas e elogios de pacientes e acompanhantes. Lucimar Aparecida, acompanhante da paciente Neuza Maria da Luz, foi uma das que elogiou o atendimento. “Ela foi internada na quarta-feira da semana passada, já operou no fim de semana e agora está em recuperação para receber alta. Tudo certinho”, disse Lucimar.

As críticas, em sua maioria, foram sobre a estrutura física do local e a falta de médicos, problemas conhecidos da saúde e que a pasta já trabalha na resolução deles.  “Temos convicção de que é preciso melhorar e muito o atendimento na rede pública de saúde do DF. Porém, é conhecendo a realidade e com muito trabalho que vamos conseguir melhorar. Precisamos abrir novos leitos de UTI e melhorar o atendimento”, finalizou o governador.