Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
31/10/13 às 13h02 - Atualizado em 30/10/18 às 15h08

Formação de residentes médicos será discutida no HBDF

COMPARTILHAR

Criação da Unisus, divulgação de estudos e saúde mental do médico estão entre os temas

Com o objetivo de divulgar trabalhos científicos e debater as ações políticas dos órgãos governamentais na formação dos futuros profissionais de saúde do Distrito Federal, nos dias 4, 5 e 6 de novembro, das 9h às 13h, acontecerá, no auditório do Hospital de Base do Distrito Federal, a XXXIV Jornada dos residentes médicos e o XX Encontro dos ex-residentes da SES/DF.

Com a expectativa de receber uma média de 300 pessoas, o evento estará aberto a todos os residentes e médicos da rede pública de saúde do DF e contará com palestras, debates e divulgação de trabalhos científicos produzidos pelos profissionais de saúde que atuam no Hospital de Base do Distrito Federal.

“Esse evento é importante, pois, aqui no DF, se formam inúmeros residentes e os trabalhos científicos que produzem é um retorno à comunidade do DF e isso melhora e humaniza o atendimento ao usuário da rede”, destaca diretor do HBDF, Julival Ribeiro.  Para o coordenador do evento e psiquiatra do Hospital de Base, Thiago Blanco, a jornada trará debates para atualizar e melhorar o trabalho da comunidade médica do DF. “Muitos trabalhos serão divulgados e isso é de extrema importância na comunidade médica, além de tratar de assuntos relevantes ao crescimento profissional e ao atendimento ao público”, afirma.

Debates

Um dos temas discutidos será a formação de especialistas do SUS que trará estudos da formação dos residentes na rede de saúde do DF e suas contribuições para desenvolvimento do SUS. “Vamos colocar em pauta a Política Nacional de Saúde do Ministério da Saúde para verificarmos e debatermos como a formação dos residentes está inserida nos princípios norteadores dessa política”, informa Thiago Blanco.

Outro ponto debatido será a criação da Universidade de Ciências da Saúde do DF (Unisus) e seu impacto na formação dos médicos do DF. Além de questões relacionadas às áreas médicas e a saúde do profissional como emergências hematológicas; consumo de drogas entre profissionais médicos: vulnerabilidade e promoção de fatores protetores; e humanização na assistência médica emergencial.

Pesquisas

A profissão de médico está entre as três mais atingidas com profissionais que adquirem o distúrbio psíquico depressivo ligado ao esgotamento físico e mental cuja causa está associada à profissão (síndrome de burnout). Essa estatística será apresentada no encontro por um médico do Hospital de Base mostrando quantitativos e análises já reconhecidos pela comunidade científica.

Unisus – A Universidade de Ciências da Saúde do Distrito Federal – será composta pelo complexo da Escola Superior de Ciências da Saúde (ESCS), que tem dois cursos de graduação – Medicina e Enfermagem, pós-graduação e pesquisa e extensão; pela Escola Técnica de Saúde de Brasília (Etesb); Escola de Aperfeiçoamento do Sistema Único de Saúde (Eapsus) – responsável pela educação permanente dos mais de 30 mil servidores da Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF)- e pelos serviços administrativos da Fepecs, que passa a ser exclusivamente a mantenedora da Unisus.

Alessandra Franco

Leia também...