Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
25/09/13 às 15h37 - Atualizado em 30/10/18 às 15h07

Pacientes internados participam de pesquisa de atendimento no HRT

COMPARTILHAR

Levantamento de opinião será direcionado ao internado

O Hospital Regional de Taguatinga (HRT) iniciou, nesta quarta-feira (25), um levantamento de opinião dos usuários Internados com objetivo de medir o grau de satisfação do paciente em relação aos serviços oferecidos durante a internação e a utilização dos serviços do laboratório.

De acordo com o coordenador geral de Saúde do HRT, Otávio Augusto Siqueira, o objetivo é a busca da melhoria dos nossos serviços. “Toda equipe de saúde de Taguatinga está mobilizada a orientar o paciente no que for necessário, para que ele participe do levantamento e demonstre sua opinião sobre o atendimento recebido”, afirmou.

O paciente que estiver internado na enfermaria da ortopedia, ginecologia, nefrologia, clínica médica, cirúrgica, pediátrica, cardiologia e maternidade receberão orientações sobre o questionário, composto por 05 perguntas e que será entregue pela enfermagem ao receber alta hospitalar.

A opinião poderá ser colocada na urna acrílica que estará lacrada no posto de enfermagem de cada setor. No questionário, o internado poderá avaliar como “ruim”, “regular”, “bom”, “ótimo” e “não fiz uso”, os seguintes atendimentos: recepção, enfermagem e médico, serviço de nutrição e limpeza.

O mesmo critério de avaliação servirá para classificar o serviço realizado no laboratório (rotina e emergência), incluindo o atendimento na recepção, tempo de espera e realização do exame. No formulário, o paciente poderá, também, escrever o seu elogio, crítica e/ou sugestão.

“Esta é a minha terceira internação no hospital e sempre fui bem atendido, só que nunca falei disso com ninguém. As novas urnas de avaliação é uma oportunidade que a gente tem para poder dizer como a gente se sente, como estamos sendo tratados, o que falta e o que não falta no atendimento”, descreve o paciente Manoel Messias, 72 anos, internado na clínica cirúrgica do HRT.

Duração da pesquisa

A pesquisa acontecerá até o dia 24 de outubro deste ano e será realizada pelo Núcleo de Educação Permanente em Saúde (NEPS), em parceria com a Gerência de Enfermagem e Gestão de Leitos do HRT. Ao término da pesquisa, a Coordenação de Ensino e Pesquisa irá avaliar o resultado e, conforme a necessidade, recomendará ações de melhoria no atendimento dos serviços.

Outro canal de comunicação muito utilizado pelos pacientes para avaliação dos serviços do HRT é a Ouvidoria, que de janeiro à setembro deste  ano atendeu mais de mil  pacientes. Dentre as solicitações, inclui informações sobre agendamento de consultas e cirurgias, tempo de entrega de exame, elogios, sugestões entre outros. Para contato com o setor, o paciente poderá no telefone 3351 2049 ou 160.

Claudete Nascimento e William Rodriguez