Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
20/05/14 às 18h57 - Atualizado em 30/10/18 às 15h11

Planejamento Familiar é tema de treinamento em Planaltina

COMPARTILHAR

Profissionais da Atenção Básica aprimoram conhecimentos

O Hospital Regional de Planaltina (HRPl), por meio do Programa de Atenção Integral a Saúde da Mulher (Paism) realizou nesta terça-feira (20), um treinamento sobre Planejamento Familiar para enfermeiros, auxiliares de enfermagem e agentes comunitários de saúde da Atenção Básica, no auditório do hospital.

Segundo a coordenadora do Paism, Elenice Pereira, a iniciativa busca aprimorar esforços no sentido de diminuir o índice de gestação indesejada, principalmente na adolescência, que está ligada à falta de conhecimento, ausência de educação sexual e o não uso de métodos contraceptivos.

“Além de prevenir gravidez não planejada, gestações de alto risco e promover um intervalo maior entre os partos, o planejamento familiar proporciona mais qualidade de vida ao casal”, ressalta Elenice.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) aponta que 120 milhões de mulheres no mundo desejam evitar a gravidez. Apesar disso, nem elas nem seus parceiros usam métodos contraceptivos.

No Brasil, a Política Nacional de Planejamento Familiar foi criada em 2007. Ela inclui oferta de métodos contraceptivos gratuitos e também a venda de anticoncepcionais a preços reduzidos na rede de Farmácias Populares.

Toda mulher em idade fértil, de 10 a 49 anos, tem acesso a anticoncepcionais nas Unidades Básicas de Saúde. A escolha da metodologia mais adequada deve ser feita pela paciente, após uma consulta com orientações sobre os prós e contras de cada um dos métodos.

Tatiane Gomes, da Agência Saúde DF

Leia também...