Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
8/07/13 às 14h12 - Atualizado em 30/10/18 às 15h06

Sala da Mulher em São Sebastião já realizou 1,8 mil atendimentos

COMPARTILHAR

Unidade trabalha com agenda aberta e atende mulheres da região administrativa

No primeiro semestre deste ano, foram realizados 1,8 mil atendimentos na Sala da Mulher no Centro de Saúde de São Sebastião, por apenas  dois médicos e duas enfermeiras obstétricas  atendendo de segunda a sexta-feira.

A Sala da Mulher trabalha com agenda aberta e atende, de 8h às 12h e de  13h às 17h, mulheres de todos os  lugares da região administrativa, sejam  grávidas no pré-natal, puérperas ou mulheres que desejam efetuar os exames  ginecológicos  preventivos.

Inês Francisca de Oliveira, vinda recentemente da Bahia e moradora do Bairro de São Francisco, grávida de 14 semanas, foi encaminhada pela médica do PSF para fazer o pré-natal no Centro de Saúde. Aos  35 anos de idade, está grávida do primeiro filho, veio com um encaminhamento na mão  efetuou a consulta na mesma manhã. Para ela, “fazer o pré-natal aqui tem sido muito bom, todos atendem bem e a sala da mulher é uma facilidade a mais no atendimento para todas nós.” Aqui mesmo tiro sangue e faço os exames que a médica pediu, já é a  terceira consulta que faço, inclusive já tomei as primeiras doses das vacinas de tétano e  hepatite”ressalta Inês.

Assim que as pacientes chegam à Sala da Mulher  para fazer o pré-natal, são pedidos os “Testes da Mãezinha” para diagnosticar toxoplasmose, citolomegalovirus, rúbeula, hepatites  B e C, HIV, hipotiroidismo, hemobinoglopatidas  e  VDRL entre outros  exames.

Além dos exames preventivos, procedimentos de AMIU (curetagem), biopsia, exame preventivo de câncer de colo de útero , exame de mamas ( ensinam também o auto-exame) punção de mama a  Sala da Mulher também oferece atendimento em Planejamento Reprodutivo e são efetuadas   palestras nas segundas e quintas pela manhã para as puérperas ,  nas  sextas às 14 hs o assunto é planejamento familiar com abordagem dos métodos contraceptivos, laqueadura e vasectomia entre outros. Para as  gestantes do  pré-natal são oferecidas palestras para o primeiro, segundo e terceiro trimestre de gravidez sempre as terças-feiras pela manhã  de 15 em 15 dias.

Graziela Cardoso, 28 anos é alérgica a látex e foi encaminhada para a Sala da Mulher para  escolher um método contraceptivo, após ouvir a palestra decidiu-se qsobre a colocação  Dispositivo Intra Uterino – DIU .” Vi que o Diu é um método seguro e me atende bem neste  momento,  mês  vem na data correta perto da menstruação volto aqui para colocar o mesmo”. Com certeza me sentirei mais segura completa Graziela.

Para a enfermeira obstétrica Ninnonrose Cortez que atende na Sala da Mulher “O atendimento oferecido aqui é diferenciado, pois procuramos ver a paciente como um todo e a encaminhamos para a odontologia, psicologia e nutricionista quando se faz necessário”. “É que a mulher fica mais sensível com a gravidez, muitas vezes sentimos quando ela não está bem e a ouvimos”.

O coordenador da Regional de Saúde Marcus Costa fala sobre a satisfação que vê o atendimento efetuado às mulheres de São Sebastião na Sala da Mulher de forma tão humana, espero em breve   abrir aqui no Centro de  Saúde uma Sala do Homem, que necessita  de atendimento com horários diferenciados por conta  da indisponibilidade de horários no  trabalho, nosso anseio é atender bem a toda os segmentos da sociedade”, completa o coordenador.

Marina Ávila