Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/03/17 às 20h37 - Atualizado em 30/10/18 às 15h16

Saúde aumenta em 35% número de vagas para mamografia

COMPARTILHAR

Nos dois primeiros meses do ano, uma média de 3,5 mil exames foram ofertados. Já neste mês, foram 5,4 mil vagas

BRASÍLIA (24/3/17) – A oferta de vagas para exames de mamografia aumentou 35,47% neste mês de março. Enquanto em janeiro e fevereiro foram ofertadas cerca de 3,5 mil vagas, neste mês 5.452 mulheres tiveram a oportunidade de realizar o exame. Isso graças ao conserto de quatro equipamentos que aguardavam a chegada de peças importadas para reparo.

“Os equipamentos que têm contrato de manutenção foram consertados com a chegada das peças, todas importadas. Já aqueles sem contrato de manutenção foram consertados por meio de verba de contrapartida, ou seja, instituições de ensino superior que têm alunos residentes ou estagiários na rede pagam pelo conserto”, explica o gerente de Física Médica da Secretaria de Saúde, André Silva.

Com isso, foram abertas novas vagas de exames nos hospitais de Santa Maria, Gama, Paranoá e Materno Infantil. Eles se somam a outros seis equipamentos já em funcionamento nos hospitais de Samambaia, Asa Norte, Taguatinga, Ceilândia, Sobradinho e Centro Radiológico de Taguatinga. Em cada um deles podem ser feitas entre 400 e 600 mamografias por mês, dependendo da quantidade de profissionais para manusear o equipamento.

A costureira Maria das Mercedes foi uma das beneficiadas com a oferta maior de vagas, no início deste mês. “Até me surpreendi com a rapidez”, conta.

NOVIDADES – Outros dois equipamentos ainda quebrados na rede aguardam a chegada de peças importadas do Japão para conserto. Um voltará a funcionar em breve no Centro Radiológico de Taguatinga e outro, localizado no Hospital da Asa Norte, deverá ser cedido ao Hospital Regional do Guará tão logo termine a reforma da unidade.