Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
3/02/16 às 20h22 - Atualizado em 30/10/18 às 15h14

Secretaria de Saúde reconhece dívida de R$ 9,5 milhões com Sanoli

COMPARTILHAR

Pagamento deve ser feito à empresa até o fim desta semana

BRASÍLIA (3/2/16) – Os débitos referentes à empresa Sanoli, que totalizam R$ 9,5 milhões, serão quitados até o fim dessa semana. O reconhecimento da dívida, relativa ao ano de 2014, foi publicado no Diário Oficial do Distrito Federal desta quarta-feira (3). Com isso, a Secretaria de Saúde terá todos os seus débitos zerados com a empresa, que fornece refeições a pacientes, servidores e acompanhantes de hospitais e UPAs na rede pública.

“O valor devido pela Secretaria de Saúde à Sanoli é de R$ 19,5 milhões. Porém, foi aplicada uma multa à empresa no valor de R$ 10 milhões, já transitada em todas as instâncias administrativas. Com isso, faremos o pagamento do total restante”, explica o diretor executivo do Fundo de Saúde, Ricardo Cardoso.

A Secretaria de Saúde também pretende fazer o reconhecimento de dívida para a Cial, empresa que fornece alimento para o Hospital de Santa Maria, ainda na próxima semana, no valor de R$ 1,6 milhão, também referente a 2014.

LICITAÇÃO – Em novembro de 2015, a Secretaria de Saúde publicou aviso de licitação para contratar empresas especializadas no fornecimento de alimentação hospitalar.

O pregão, porém, foi suspenso pelo Tribunal de Contas em dezembro do ano passado, com impugnação apresentada pela JPL Alimentação de Serviços. A Secretaria de Saúde está fazendo todas as alterações necessárias para, em breve, lançar novamente a licitação.

A licitação foi dividida em 13 lotes, dando a possibilidade de concorrência a empresas prestadoras do serviço. Vence a empresa que oferecer o menor valor, ofertando os serviços descritos pela Secretaria de Saúde, sempre prezando pela qualidade.