Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
3/01/13 às 12h14 - Atualizado em 30/10/18 às 14h57

Secretaria investe na renovação de equipamentos

COMPARTILHAR


Aquisição de equipamentos de baixa, média e alta complexidade

A Secretaria de Saúde vem promovendo a gestão e incorporação de tecnologia a fim de aumentar a efetividade de sistema de saúde. A medida inclui a renovação e modernização do parque tecnológico. Nos últimos dois anos, foram adquiridos equipamentos e veículos que beneficiaram as diversas unidades da rede pública.

A lista inclui aparelhos para assistência de baixa, média e alta complexidade. Foram adquiridos 78 máquinas de hemodiálise, recuperados 11 tomógrafos da rede, comprados 250 monitores cardíacos multiparamétricos e mais 200 monitores de parada cardíaca com cardiodesfibriladores. Também foram adquiridos 100 respiradores, 500 camas eletrônicas para UTIs e áreas de internação e 42 incubadoras para recém-nascidos de alto risco.

Os investimentos beneficiaram ainda o setor de transporte da rede pública com a aquisição de 30 ambulâncias e mais 105 veículos para o combate à dengue e outras endemias.

Ressonância magnética

Já está em andamento o processo de licitação para a compra de três aparelhos de ressonância magnética. A previsão é que sejam gastos cerca de R$ 8 milhões na aquisição. Os equipamentos devem ser instalados nos hospitais regionais de Santa Maria e Sobradinho e no Hospital de Base. Atualmente a SES dispõe de um aparelho no HBDF e mantem convênio para atendimento de pacientes no Hospital Universitário e no Instituto de Cardiologia.

 

Outra ideia em fase de estudo, segundo o secretário de Saúde, Rafael Barbosa, é a possibilidade de contratação de uma unidade móvel, no mesmo molde da “Carreta da Mulher”, para a realização de exames de ressonância de forma itinerante nas regiões de Brasília que não dispõem do serviço. “Com todo esse esforço, a SES espera resolver o problema das filas”, afirma o secretário.

 

Também estão nos planos da SES, a locação de um aparelho de hemodinâmica e a aquisição de mais um tomógrafo e um PET/CT para o Hospital de Base. O PET/CT é um equipamento que une os recursos diagnósticos da medicina nuclear (Tomografia por emissão de pósitrons-PET) e da radiologia (CT).

 

Celi Gomes