Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
30/06/16 às 16h53 - Atualizado em 30/10/18 às 15h15

UPA de Sobradinho atendeu 173 pacientes no primeiro dia de mudança da clínica médica

COMPARTILHAR

A Unidade atende os casos que precisarem de observação pôr no máximo 24h

BRASÍLIA (30/6/16) – No primeiro dia de transferência da assistência de clínica médica do Hospital Regional de Sobradinho para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da região, nesta quarta-feira (29), 173 pacientes foram atendidos.

A unidade escalou três clínicos por plantão, durante todo o dia. “Vamos atender os casos que precisem de observação por, no máximo, 24 horas. Quando o paciente necessitar ficar internado, será encaminhado para o Hospital de Sobradinho. Com isso, a UPA conseguirá fazer atendimento ágil e desafogará o pronto-socorro do hospital ” disse o chefe da Unidade Médica da UPA, Vinicius de Sá.

A clínica médica da UPA atenderá pacientes adultos com diversas patologias, como resfriado, dor de garganta, infecção urinária, infarto, Acidente Vascular Cerebral (AVC), sintomas de dengue e de gripe, entre outros.

Já o hospital passará a focar o atendimento nas demais especialidades, que são pediatria, ortopedia, ginecologia e obstetrícia e cirurgia geral.

SERVIÇO – Inicialmente, haverá transporte sanitário para conduzir os pacientes classificados como laranja que desconhecerem a mudança. O transporte ocorre a cada uma hora, dependendo da demanda. Antes de serem encaminhados ao veículo, os pacientes são avaliados e triados. Aqueles que receberem a classificação de cor vermelha, ou seja, que necessitarem de atendimento imediato, são acolhidos no hospital.

ESTRUTURA – A Unidade é do tipo III e possui 138 funcionários, sendo 25 médicos. Além de ter uma base fixa do SAMU, a estrutura conta ainda com cinco consultórios de clínica médica, uma sala vermelha com quatro leitos e uma sala vermelha com outros quatros leitos.