Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
12/06/13 às 18h18 - Atualizado em 30/10/18 às 15h06

Carreta da Mulher realiza mais de 650 exames na 1ª semana no Varjão

COMPARTILHAR

Atendimento na cidade continua até sexta-feira (14)


Mais de 650 exames foram realizados na Unidade Móvel de Saúde da Mulher que está desde segunda-feira (3) em frente ao Centro de Saúde nº16, no Varjão, onde o atendimento continua sexta-feira (14 de junho), das 8h ao meio-dia e das 13h às 17h.

A carreta da mulher é equipada com aparelhos que permitem a realização de exames preventivos de câncer de mama (mamografia) e de colo uterino (papanicolau), ecografias, bem como o diagnóstico de outras doenças.

O gerente do Centro de Saúde nº16, odontólogo Luiz Claudio Modesto, comemora a chegada da carreta ao Varjão e afirma que a comunidade ficou satisfeita. “Reduzimos a lista de espera da regulação para o exame de mamografia, que está praticamente zerada”, relata. 

Para o atendimento, a paciente precisa levar documento de identidade, CPF e cartão do SUS, que pode ser feito no local mediante apresentação do RG e CPF. As pacientes podem fazer mamografia- para as mulheres de 50 a 69 anos de idade, mesmo sem pedido médico- ultrassom pélvico, transvaginal e de tireoide – com pedido médico – e preventivo do câncer de colo do útero (Papanicolau), em mulheres de 24 a 64 anos de idade, de preferência que nunca tenham feito o exame ou o fizeram há mais de três anos.

Rosália de Almeida Santos, 40 anos, moradora do Varjão, procurou a Unidade Móvel de Saúde da Mulher e foi atendida pela primeira vez. “Minha vizinha veio e disse que foi bem atendida. Daí pensei: já que a carreta está aqui, é melhor eu me cuidar. Então resolvi fazer os exames. Fiz mamografia e o preventivo. O atendimento foi rápido e excelente”, comenta.

Patrícia Kavamoto