Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
5/06/14 às 21h23 - Atualizado em 30/10/18 às 15h11

Dia “D” alerta para risco de violência contra crianças

Rede de Saúde e de Proteção se mobilizam em ação integrada

Toda a Rede de Saúde e de Proteção do DF se mobilizará para realizar o Dia “D”, nesta sexta-feira (6), nas regionais de saúde, escolas e Centros de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), com objetivo de alertar sobre riscos de possíveis violências contra crianças e adolescentes durante a Copa do Mundo em Brasília.

A ação faz parte da “Campanha Integrada de Proteção: Diversão e Proteção andam juntas!!”, coordenada pela Secretaria de Saúde (SES/DF) em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Social e Transferência de Renda (SEDEST/DF).

Durante os seis dias que antecedem a Copa do Mundo 2014, a campanha vai promover atividades em pontos estratégicos visando à sensibilização das pessoas quanto a importância de proteger crianças e adolescentes. “Queremos conscientizar os pais e responsáveis não somente a como agir em caso de violência, mas também orientar sobre os tipos de violência e mostrar dicas simples de proteção em mega eventos”, explicou a psicóloga do Núcleo de Estudos e Programas na Atenção e Vigilância em Violência (NEPAV/SES), Fernanda Falcomer.

O Dia “D” pela Proteção tem como público-alvo os usuários da Rede de Proteção do DF, por isso vai acontecer em locais estratégicos. “Vamos promover palestras e orientações nas escolas, nas salas de espera das unidades de saúde, além do local da Fan Fest e Praça do Relógio”, disse a chefe do NEPAV, Lucy Mary.

Veja algumas dicas para criança e adolescentes:

1. Vá sempre acompanhado ao banheiro;
2. Tenha sempre um número de telefone de pessoas da família;
3. Não forneça informações pessoais para qualquer pessoa;
4. Não aceite nada de pessoas desconhecidas;
5. Marque um ponto de referência para casos de desencontro;
6. Procure sempre Bombeiro ou Polícia em situações de emergência;
7. Não aceite carona;
8. Evite andar sozinho e ande sempre por locais iluminados;
9. Cuidado, pessoas podem colocar drogas em sua bebida;
10. Mantenha-se alimentado e hidratado;
11. Cuidado ao falar ao celular;
12. Cuide dos seus pertences e evite andar com objetos de valor;
13. Para pedir informações ou auxílio procure sempre um policial devidamente identificado;

Dicas para pais e responsáveis:

1. Identifique as crianças com nome completo e um telefone – utilize uma carteira de identificação;
2. Ensine a criança listar 03 pessoas em caso de emergência;
3. Sempre acompanhe as crianças, inclusive ao banheiro;
4. Ensine crianças a identificar Bombeiros, SAMU e policiais para os casos de emergência;
5. Ao chegar ao evento, localize os serviços governamentais disponíveis: Saúde/SAMU; Segurança Pública; Assistência Social;
6. Sensibilize seus filhos para os riscos de um grande evento;
7. Para pedir informações ou auxílio procure sempre um policial devidamente identificado;
8. Utilize apenas transportes cadastrados.

Serviço:

Denuncie em caso de situação de risco de crianças e adolescentes. Disque 100.

Luana Lemes, da Agência Saúde DF