Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
30/10/19 às 16h51 - Atualizado em 30/10/19 às 16h55

Especialistas debatem sobre comunicação e saúde no Hospital da Criança

Evento vai até sexta-feira e é aberto a estudantes e profissionais de saúde e de comunicação

 

Gestores, jornalistas e publicitários participaram, nesta quarta-feira (30), da abertura do IV Encontro de Comunicação e Saúde, promovido no Hospital da Criança de Brasília José Alencar (HCB). O evento reuniu especialistas para debater as ações que podem ser tomadas para evitar crises na saúde pública e proporcionar melhores serviços à população.

 

A importância da comunicação foi citada em um exemplo recente da história do HCB. No caso, quando o Instituto do Câncer Infantil e Pediatria Especializada (Icipe), responsável por gerir a unidade, foi julgado inocente de improbidade administrativa. “Não teríamos esse sucesso se não fosse a ação da comunicação, que demonstrou para todos que aqui não havia o cenário que pintavam sobre nós”, lembrou o diretor-presidente do Icipe, Newton Alarcão.

 

O superintendente executivo do HCB, Renilson Rehem, responsável por coordenar a primeira mesa de debates, destacou a comunicação como fundamental para o planejamento das ações. “Principalmente no campo da saúde, onde os resultados podem ser muito graves. Por isso, sempre devemos estar preparados para administrar as situações de crise. Nisso a comunicação é essencial”, reforçou.

 

Evitar que uma emergência se torne uma crise foi um dos pontos ressaltados pelo secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Wanderson Oliveira. “A melhor vacina contra ansiedade e medo é prover informações suficientemente atualizadas sobre as medidas recomendadas e a situação atual. O gestor tem de vir a público, reconhecer o problema e trabalhar com a comunidade de uma maneira muito clara”, afirmou.

 

TEMAS – O evento, que se estenderá até sexta-feira (1° de novembro), terá mesas, palestras e entrevistas sobre comunicação de risco e de crise, gestão em saúde pública, pesquisas de satisfação, boas práticas para a divulgação de casos clínicos, comunicação para mudança de práticas e comportamentos e a interação humanizada na Clínica Pediátrica.

 

Durante o encontro, haverá também um curso de técnicas de mágica para profissionais da assistência do Hospital da Criança e da Fundação Hemocentro de Brasília.

 

O evento é aberto a todos os estudantes e profissionais de saúde e de comunicação do país. As inscrições ainda podem ser realizadas aqui.

 

Leandro Cipriano, da Agência Saúde

Fotos: Breno Esaki/Saúde-DF