Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
26/11/14 às 17h31 - Atualizado em 30/10/18 às 15h11

Guará recebe mais uma edição da Escola de Avós

COMPARTILHAR

Serviços de saúde foram oferecidos no Centro de Saúde nº 03

 

Os idosos do Guará receberam mais uma edição da Escola de Avós. Essa é a oitava edição do evento que acontece em todo o DF. A atividade busca a integração do idoso com os serviços de Saúde que são oferecidos pela secretaria por meio do programa Saúde do Idoso. Entre os oferecidos estão a podologia, odontologia, farmácia, automassagem, aferição da pressão, nutrição, serviço social e a estação da beleza.

O secretário Especial do Idoso, Ricardo Quirino, esteve presente e destacou que o evento contribui para o exercício da cidadania. “É nesse tipo de iniciativa que vemos a contribuição para a integração do idoso aos serviços de saúde e de outros. Aqui ele terá orientação, prevenção e atendimento sobre as questões que o envolve. Esta é uma atividade periódica de sucesso porque prove a autoestima e valorização do idoso” destacou. O secretário aproveitou a oportunidade para distribuir a Cartilha do Idoso, desenvolvida para todo o DF.

Na palestra de odontologia, os idosos conferiram os problemas que mais acomete o grupo, os cuidados com a boca e o que pode ser sinal de um problema maior. No estande do Serviço Social, foram distribuídos o Estatuto do Idoso, a publicação da Central Judicial do Idoso sobre o Mapa da violência contra a Pessoa Idosa no DF, entre outros folders de orientação. Para Rosângela Lima, coordenadora do Núcleo de Saúde do Idoso no Guará, manter o idoso informado de seus direitos é essencial para que ele consiga ter acesso às suas garantias.

“O idoso é um público especial porque você realmente precisa saber do que se está falando. Eles perguntam, são interessados, ativos e querem estar participando das nossas atividades que consultório particular nenhum oferece. Por isso, trabalhamos para envolvê-los e criar vínculos para que nós alcancemos o nosso objetivo que é a promoção da saúde no seu aspecto global. A Escola de Avós completa o nosso trabalho porque oferece todos os serviços que realizamos nos centros de Saúde”, afirmou.

Mais de 60 idosos estiveram presentes no local e Iracema Alencar, não perdeu a oportunidade de estar novamente participando do evento. “Esta é a segunda vez que venho, eu acho o evento bacana porque consigo num só lugar ter informação de várias coisas. Já fui à Nutrição e vi o tanto que consumimos de sal, agora, vou medir minha pressão”, declarou.

O Núcleo de Saúde do Idoso (Nusi) desenvolve suas atividades de forma descentralizada, buscando a autonomia das regionais de saúde. Foi implantado dentro de uma perspectiva biopsicossocial, com ênfase na promoção de saúde, reabilitação, prevenção e tratamento de agravos à saúde desta faixa populacional. O universo de atuação é a população de idade igual ou superior a 60 anos.

A porta de entrada principal para a pessoa idosa na rede de saúde do DF é a atenção primária (Estratégia da Saúde da Família e Centros de Saúde). O encaminhamento para o ambulatório de geriatria é realizado pelo médico da atenção primária (através de uma ficha de referência e contra referência) e segue critérios específicos. Atualmente são 12 ambulatórios de referência em geriatria.

Informações: (61)3348-6260

naisisesdf@gmail.com

Por Érika Bragança, da Agência Saúde DF
Atendimento à imprensa:
(61)3348-2547/2539