Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
15/10/21 às 16h53 - Atualizado em 15/10/21 às 17h40

Hospital da Criança de Brasília inaugura nova ala de Terapia Renal Substitutiva

O local passou por reforma a fim de dar mais conforto e segurança para crianças, profissionais  e acompanhantes

 

JURANA LOPES | EDIÇÃO: JOHNNY BRAGA | DA AGÊNCIA SAÚDE-DF

 

Para comemorar a Semana das Crianças, o Hospital da Criança de Brasília José Alencar (HCB) inaugurou, nesta sexta-feira (15), a nova ala de Terapia Renal Substitutiva (TRS), que já está funcionando e beneficia diversas crianças as quais precisam fazer diálise. No ato da inauguração houve a apresentação de uma orquestra de violoncelos e de piano pelo estudante Eduardo Oliveira, de 9 anos.

 

Inauguração da nova ala de Terapia Renal Substitutiva – Foto: Breno Esaki/Agência Saúde-DF

O superintendente executivo do HCB, Renilson Rehem, destacou que o objetivo do hospital é prestar a melhor assistência possível aos seus pacientes e ser reconhecido como o melhor hospital pediátrico não só no Brasil, mas no mundo.

 

“O HCB foi pensado e construído com a proposta de que a criança não esqueça que é criança, mesmo estando em um tratamento difícil. Precisamos de gente comprometida e que trabalhe com amor, pois este amor é fundamental”, afirma.

 

A secretária-adjunta de Assistência à Saúde, Raquel Beviláqua, participou da inauguração – Foto: Breno Esaki/Agência Saúde-DF

Toda a planta física do local foi modernizada para proporcionar mais conforto e segurança tanto às crianças quanto à equipe durante o atendimento. A reforma considerou as necessidades dos acompanhantes e das equipes que trabalham no local. O novo ambiente para refeições confere comodidade e privacidade ao período em que pais e responsáveis pelos pacientes precisem permanecer no hospital.

 

“Vimos a necessidade de tornar este ambiente o menos doloroso possível, pois não é fácil ver uma criança fazendo diálise por quatro horas seguidas, três vezes na semana, até conseguir um transplante. Hoje, nós somos o único local que tem hemodiálise para crianças e não há fila de espera para este procedimento. Por isso, fico muito feliz em proporcionar mais conforto para nossas crianças, pois esse tipo de tratamento não é fácil”, completa.

 

Nova ala já começou a funcionar – Foto: Breno Esaki/Agência Saúde-DF

Representante do secretário de Saúde do DF, general Manoel Pafiadache, a secretária-adjunta de Assistência, Raquel Beviláqua, fez questão de ressaltar que o HCB tem um serviço de excelência e oferece atendimento humanizado de alta complexidade, o que é motivo de orgulho para a Secretaria de Saúde, de ter uma unidade que faz parte da rede pública de saúde de referência no atendimento pediátrico.

 

“É muito sofrido lidar com o sofrimento de uma criança e aqui no HCB temos profissionais extremamente qualificados e o atendimento humanizado, lúdico, para amenizar o máximo possível a dor da criança em tratamento. Tentamos replicar esta humanização em outros hospitais da rede”, pontua Raquel.

 

Pacientes contam com unidade especializada no tratamento de pacientes renais – Foto: Breno Esaki/Agência Saúde-DF

 

Situação atual

 

O Hospital da Criança de Brasília recebe crianças e adolescentes, encaminhados pelo Complexo Regulador de Saúde da Secretaria de Saúde do DF, que tenham doenças renais e precisem passar por terapias como a hemodiálise e a diálise peritoneal.

 

Atualmente, nove crianças passam por hemodiálise, acompanhadas por equipe especializada e com uso de equipamentos próprios para o público pediátrico. Outras 19 crianças realizam diálise peritoneal em casa, após a família receber o treinamento da equipe do HCB.

 

Apresentação da Orquestra de Violoncelos – Foto: Breno Esaki/Agência Saúde-DF

Presente na solenidade, a secretária de Justiça, Marcela Passamani, ressaltou que o cuidado com a criança é algo muito complexo e, a criança e o adolescente são pautas de prioridade absoluta para o Estado, que deve assegurar e garantir acesso e recursos a serviços de qualidade.

 

O deputado distrital Agaciel Maia (PL) foi à inauguração da ala de Terapia Renal Substitutiva e afirmou, em seu discurso, que o HCB sempre foi uma prioridade em seus mandatos e que acompanha de perto o hospital desde sua construção.

 

Paciente em hemodiálise – Foto: Breno Esaki/Agência Saúde-DF

“Neste ano, destinei R$ 4 milhões de emendas para o Hospital da Criança de Brasília (HCB) e em 2022 eu vou dobrar este valor para R$ 8 milhões, pois o trabalho realizado neste lugar é um exemplo e referência para o país. Aqui, as crianças são bem assistidas”, avalia.