Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
27/03/18 às 21h08 - Atualizado em 30/10/18 às 15h19

Hospital de apoio de Brasília comemora 24 anos

Unidade é especializada em cuidados paliativos e enfermidades genéticas

BRASÍLIA (27/3/18) – O Hospital de Apoio de Brasília (HAB) comemora, nesta quarta-feira (28), o seu 24º aniversário, antecipado à data efetiva (30 de março) em virtude do feriado da Semana Santa. A programação, que será realizada das 15h às 17h, foi organizada pelos servidores e a Associação de Voluntários da instituição, “que tem participação ativa na rotina do hospital”, revela Soraia Diniz, do serviço de assistência social.

A abertura do evento será feita pelo gerente de Voluntariado da secretaria, Cristian Silva, que já integrou o quadro de servidores do hospital – convidado “para expressar o reconhecimento das ações voluntárias no HAB”. Também será celebrado um culto ecumênico por grupos religiosos que atuam na unidade e se revezam todas as tardes na assistência espiritual aos pacientes, todos vinculados à associação de voluntários.

O programa de aniversário ainda inclui a apresentação do músico Glautter Rocha, com voz e violão e o sorteio de brindes, arrecadados entre os servidores para distribuição aos pacientes.

O Hospital de Apoio de Brasília oferece:

CUIDADOS PALIATIVOS – assistência promovida por uma equipe multidisciplinar, que objetiva a melhoria da qualidade de vida do paciente e seus familiares, diante de uma doença que ameace a vida, por meio da prevenção e alívio do sofrimento, da identificação precoce, avaliação criteriosa e sistemática, tratamento de dor e demais sintomas físicos, sociais, psicológicos e espirituais.

Para internação, é necessário que o paciente tenha idade maior ou igual a 18 anos, com diagnóstico de neoplasia maligna (câncer) sem proposta de tratamento modificador de doença, como quimioterapia, radioterapia, entre outros. A família e o paciente devem concordar com a internação e os cuidados paliativos.

CUIDADOS PALIATIVOS GERIÁTRICOS – Internação de pacientes idosos com idade igual ou superior a 60 anos, portadores de demências em fase avançada, cardiopatia, pneumopatia e nefropatia avançada e idosos frágeis. Para internação os pacientes devem atender a critérios de internação e devem passar por avaliação da equipe médica do Hospital de Apoio.

ATENDIMENTO NA UNIDADE DE GENÉTICA – Pacientes com doenças genéticas, hereditárias e raras, incluindo malformações congênitas, deficiência intelectual, distúrbios de comportamento, erros inatos do metabolismo, baixa estatura, doenças neurodegenerativas e câncer familiar.

TERAPIAS COMPLEMENTARES – Hidroterapia (assistência para pacientes internados e pacientes externos); PET Terapia (terapia com animais para pacientes internados); coluna saudável (assistência em grupo para pacientes externos com dores crônicas coluna vertebral); Parceria com o Cetefe – Associação de Centro de Treinamento de Educação Física Especial (visitas semanais para atividades esportivas com pacientes internados na Unidade de Reabilitação e Cuidados Prolongados).