Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
2/05/13 às 21h22 - Atualizado em 30/10/18 às 15h05

Hospital de Campanha fica em Brazlândia até que surto de dengue em Goiás esteja controlado

COMPARTILHAR

GDF monta estrutura para atendimento rápido a pacientes

Fotos: Roberto Barroso/Renato Araújo

Pacientes com sintomas de dengue contam desde a manhã dessa quinta-feira (02), com atendimento mais rápido em Brazlândia (HRB), graças à instalação de um hospital de campanha composto por duas tendas da Força Nacional do SUS, em frente ao hospital regional da cidade.

“Esta ação visa isto: atendimento rápido e de qualidade para quem precisa”, afirmou o governador Agnelo Queiroz, ao visitar a estrutura montada no HRB, acompanhado do secretário de Saúde, Rafael Barbosa. Segundo o governador, o hospital de campanha será mantido na cidade até que o avanço da dengue nos municípios goianos da Região Metropolitana de Brasília esteja controlado.

“Tive dengue há um mês e me tratei neste hospital. Agora, trouxe meu marido, que está com os mesmos sintomas. O atendimento foi rápido, ele já está no soro”, disse Marineide Matos Rocha dos Santos, moradora do Recanto da Barragem, em Águas Lindas 2. O marido dela recebeu ficha vermelha na Classificação de Risco e foi imediatamente internado

O hospital de campanha funcionará diariamente, das 7h às 22h, com uma equipe formada por três médicos, dois enfermeiros, seis auxiliares de enfermagem e dois técnicos de laboratório. Segundo a coordenação Regional de Saúde de Brazlândia, nos últimos dias aproximadamente 150 pessoas de municípios da Região Metropolitana de Brasília superlotaram a emergência do HRB, a maioria (95%) proveniente de Águas Lindas e Padre Bernardo, onde a ocorrência da doença configura um surto.

A enfermeira Nilzete de Araújo explicou que os pacientes são acolhidos na emergência do HRB, fazem ficha e passam pela triagem com Classificação de Risco. Aqueles que apresentarem sintomas mais graves de dengue recebem ficha amarela ou vermelha e são atendidos no próprio Pronto Socorro. Os classificados na cor verde são encaminhados para as duas tendas montadas em frente ao hospital, onde são atendidos por ordem de chegada.
A primeira tenda funciona como sala de espera e de medicação. A segunda dispõe de consultórios, leitos para medicação e coleta de materiais para exames.

Sheila Perru