Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
2/07/14 às 17h41 - Atualizado em 30/10/18 às 15h11

Profissionas de neonatologia de Planaltina recebem treinamento

Importância da amamentação e seus benefícios

A Iniciativa Hospital Amigo da Criança (IHAC) de Planaltina realiza, nos dias 02 e 03 de julho, no período da tarde, um treinamento na neonatologia, sobre aleitamento materno. O objetivo é de ensinar sobre a importância da amamentação e seus benefícios.

A presidente do IHAC de Planaltina, Maria do Socorro Nunes Aguiar, explica que os servidores conhecerão os dez passos para o sucesso do aleitamento materno. “Todas as pessoas que trabalham em um hospital Amigo da Criança devem conhecer a politica de aleitamento materno e desencorajar práticas que propicie o desmame precoce. E saberem que é proibida a distribuição de produtos como chupeta, mamadeiras, protetores de bico, conforme a lei 11.265/2006 – Norma Brasileira de Comercialização de Produtos Láctea”, disse.

O Hospital Regional de Planaltina é um hospital Amigo da Criança, e durante o ano foram realizados três cursos, sendo abertos para todos os servidores e funcionários da coordenação de saúde de Planaltina.

Todos os setores da regional passarão pelo treinamento, e o próximo está previsto para o dia 17 de julho no Centro Obstétrico, que contará com a presença do grupo condutor da Rede Cegonha da região norte.

Dez passos para o sucesso do aleitamento materno:

1 – Ter uma norma escrita sobre aleitamento materno, que deve ser rotineiramente transmitida a toda a equipe do serviço.
2 – Treinar toda a equipe, capacitando-a para adotar a norma.
3 – Informar todas as gestantes atendidas sobre as vantagens e o manejo da amamentação.
4 – Ajudar a mãe a iniciar a amamentação na primeira meia hora após o parto.
5 – Mostrar às mães como amamentar e como manter a lactação, mesmo se virem a ser separadas de seus filhos.
6 – Não dar a recém-nascido nenhum outro alimento ou bebida além do leite materno, a não ser que tenha indicação clínica.
7 – Praticar o alojamento conjunto – permitir que mães e bebês permaneçam juntos 24 horas por dia.
8 – Encorajar a amamentação de livre demanda.
9 – Não dar bicos artificiais ou chupetas a crianças amamentadas.
10 – Encorajar o estabelecimento de grupos de apoio à amamentação, para onde as mães devem ser encaminhadas por ocasião da alta hospitalar.

Tatiane Gomes, Agência Saúde DF