Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
11/09/13 às 21h45 - Atualizado em 30/10/18 às 15h06

Novo Coordenador-geral de Saúde de Sobradinho inicia diagnóstico na regional

COMPARTILHAR

Após uma semana no cargo de Coordenador Regional de Saúde de Sobradinho, o novo gestor Paulo Lisbão, se reuniu nesta tarde (11), com todas as chefias da unidade para se apresentar e dar início a nova missão, no auditório do Bloco Administrativo do Hospital Regional de Sobradinho. Representantes de todos os setores apresentaram relatórios dos projetos em andamento e as dificuldades que vivem.

“Conto com vocês nessa jornada que me foi confiada. Estou na Secretaria há sete anos e adoro desafios. Venho de Brazlândia, uma regional menor, mas trago um novo olhar e quero trabalhar em equipe, pois ninguém faz nada sozinho”, disse o novo coordenador, que é médico ginecologista, graduado e especializado na Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Com ênfase no trabalho integrado, Paulo Lisbão contou sua experiência em todos os cargos dentro de uma regional, e espera que cada um faça sua parte. “Sei das dificuldades, mas faremos um trabalho muito interessante. E, para isso, contem comigo. O gabinete estará sempre de portas abertas para discutir qualquer assunto. Agora, estamos vivendo o momento de analisar e conhecer a situação da saúde de Sobradinho, para em breve, por em práticas as ações e projetos de mudanças e melhorias”, destacou.

Para a supervisora da Clínica Cirúrgica, Maria das Dores Paiva, o momento foi essencial e motivador. “Precisamos de um trabalho mais integrado, onde cada setor possa contar com o outro e acredito que o Dr. Paulo, que deve seguir o plantão e o atendimento no dia a dia, vai conhecer nossa realidade e poderá ajudar da melhor forma”, afirmou.

A gerente do Centro de Saúde 03, Janaína Amorim, disse que as pessoas precisam conseguir tirar o melhor de cada funcionário. “Não é impossível alcançar um trabalho de sucesso, pois conseguimos fazer até cirurgias ambulatoriais em nosso centro, por exemplo. Quando queremos, podemos trabalhar com excelência, principalmente se for em equipe”, concluiu.

Amandda Souza