Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
18/07/19 às 16h45 - Atualizado em 18/07/19 às 16h52

Oficina traça futuros cenários para a atenção secundária

Evento faz parte da programação do II Seminário de Formação de Gestores do DF

 

Uma análise do presente para projetar o futuro e planejar a melhor maneira de garantir assistência de qualidade na atenção secundária. Foi essa a atividade desenvolvida com gestores na tarde desta quinta-feira (18), durante o II Seminário de Formação de Gestores do DF.

 

Intitulada Oficina de Diálogos Prospectivos, a metodologia foi desenvolvida e aplicada, durante o seminário, pelo coordenador de Integração Estratégica da Fiocruz, Wagner Martins. Após assistirem a uma exposição oral feita por ele, os participantes foram divididos em dez grupos, formados por oito ou nove pessoas, para que pudessem discutir a temática.

 

“Os grupos foram formados de forma aleatória, com gestores de várias áreas, para conjugar visões múltiplas. Cada um deles trabalhou com dois fatores, fazendo análise combinatória desses fatores e usando isso para gerar hipóteses de fatores. Essa elaboração será registrada em planilha e as pessoas sairão daqui olhando para cenários construídos, com os quais poderemos trabalhar posteriormente”, explica Martins.

 

Ele complementa que a intenção, com essa oficina, foi fazer com que os participantes dialogassem e apresentassem as suas percepções sobre as situações colocadas em discussão.

 

“A ideia de fazer uma análise de situação com incorporação de diferentes perspectivas nos ajuda a ampliar a nossa capacidade de ver as coisas. Com a identificação de fatos que estão ocorrendo hoje em relação a diferentes fatores, você consegue identificar a tendência de comportamento e, portanto, gerar hipóteses de fatos que podem ocorrer no futuro, que pode ser uma ameaça ou uma oportunidade a ser aproveitada”, detalha.

 

Martins diz, ainda, que com esses cenários desenhados, é possível fazer o monitoramento e agir preventivamente diante de situações futuras. “Para trabalhar isso, organizadores do seminário fizeram levantamento de situações antes do evento e trouxemos para essa oficina, que não termina aqui. Vamos dar seguimento às discussões”, finaliza o coordenador.

 

SEMINÁRIO – O II Seminário de Formação de Gestores do DF teve início nesta quarta-feira (17) e até sexta-feira (19) terá como foco a atenção secundária. No último dia estão previstas palestras sobre linha de cuidados como dispositivo para a integralidade à saúde, matriciamento e educação permanente, planejamento estratégico e gestão de recursos.

 

Cerca de 170 pessoas estão participando das atividades, entre diretores, superintendentes e gerentes de unidades, além de servidores tanto da atenção, primária quanto da secundária.

 

Alline Martins, da Agência Saúde

Fotos: Mariana Raphael/Saúde-DF