Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
7/10/20 às 19h59 - Atualizado em 8/10/20 às 14h25

Opas e Vigilância à Saúde atuam para fortalecer projetos no DF

Encontro com representante no Brasil revigora acordos de cooperação

 

AGÊNCIA SAÚDE DF

 

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal quer fortalecer os projetos da Subsecretaria de Vigilância à Saúde (SVS) por meio da revitalização de acordos de cooperação técnica e financeira com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), instituição vinculada à Organização Mundial da Saúde (OMS).

 

Foto: Geovana Albuquerque/Agência Saúde DF

Para isso, o secretário de Saúde, Osnei Okumoto, e o subsecretário de Vigilância à Saúde, Divino Valero, receberam a nova representante da Opas no Brasil, a médica Socorro Gross Galiano. No encontro, a dirigente da organização manifestou interesse em fortalecer a parceria, especialmente diante dos resultados do trabalho de monitoramento e análise do cenário da pandemia de Covid-19 no DF feito pela vigilância.

Cabe à SVS criar protocolos e normativas para prevenção da doença e fiscalizar o cumprimento dessas orientações. Galiano, ao enaltecer esse trabalho, acenou para a possibilidade de fechar parcerias para outros projetos desenvolvidos pela Vigilância.

 

“Para a Opas, o trabalho de Vigilância à Saúde é muito importante”, destacou Gross Galiano. “Aqui, no Distrito Federal, vemos muitas ações exitosas. Hoje estamos vivendo um surto. Essa construção e a troca de informações nos possibilitam ter uma vigilância de alerta e criar propostas”.

 

O secretário de Saúde, Osnei Okumoto, salientou que o GDF tem se empenhado para dar continuidade aos projetos de cooperação com a Opas. “A Secretaria de Saúde e a Vigilância Sanitária têm equipes muito competentes, com vasta experiência, e só temos a ganhar com essa cooperação”, afirmou.

 

Foto: Geovana Albuquerque/Agência Saúde DF

O subsecretário de Vigilância à Saúde, Divino Valero, lembrou que os processos de trabalho dentro da SVS são bem estruturados. “Temos muitos desafios pela frente, mas também temos uma equipe empenhada em buscar soluções”, afirmou. “Essa troca de conhecimento é muito importante para a saúde do DF”.

 

O encontro foi acompanhado pelo assessor de Gestão Estratégica de Projetos da SES, Carlos Spezia, e por diretores das áreas da SVS.

 

Vigilância à Saúde

 

Fazem parte da Subsecretaria as Diretorias de Vigilância Sanitária, de Vigilância Epidemiológica, Vigilância Ambiental, de Saúde do Trabalhador e o Laboratório Central de Saúde Pública. São essas áreas que trabalham na prevenção, promoção, redução e eliminação dos riscos e agravos à saúde da população.