Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
18/02/16 às 11h34 - Atualizado em 30/10/18 às 15h14

Profissionais atualizam conhecimento sobre cuidados com idoso

Objetivo é aprofundar os conhecimentos sobre essa parcela da população

BRASÍLIA (18/2/16) – Para aperfeiçoar o atendimento aos pacientes com idade mais avançada, 40 profissionais da Região Oeste de Saúde – integrada por Ceilândia e Brazlândia – começaram a participar de um curso de atualização sobre o idoso. Os encontros acontecem as terças-feiras até o dia 29 de março. Serão 85 horas de curso com atividades presenciais.

“Vamos conhecer o perfil epidemiológico dos idosos da Região Oeste, as principais doenças que eles têm e discutir como promover um envelhecimento saudável, entre outros temas”, relatou Iracema Souto, da Escola de Aperfeiçoamento do Sistema Único de Saúde (EAP/SUS)/Fepecs.

A terapeuta ocupacional da Saúde do Idoso, Ângela Sacramento, lembra que Ceilândia possui grande parte da população idosa, a qual é muito vulnerável devido a fatores socioeconômicos e sociais. “Temos que qualificar o processo de trabalho para que os idosos tenham um maior grau de atenção e equidade no âmbito do SUS”, disse.

“A população idosa tem várias especificidades, como a sobreposição de doenças crônicas e a suscetibilidade do processo de envelhecimento”, observou a coordenadora do Programa do Idoso de Ceilândia, Adriene Otoni.

PROMOÇÃO À SAÚDE – Em Ceilândia, há cinco anos é promovida a Escola de Avós no quartel do Corpo de Bombeiros Militar do DF (CBMDF), próximo ao hospital regional da região administrativa. A projeto consiste em um circuito de atividades de educação em saúde. Vários profissionais participam, entre eles, médicos, nutricionistas, fisioterapeutas e enfermeiros. A Escola de Avós do Corpo de Bombeiros acontece no primeiro sábado de cada mês, a partir das 8h e é aberta aos vovôs e seus familiares. A próxima acontecerá no dia 5 de março de 2016.

Além disso, o programa é realizado nas unidades básicas de Ceilândia e Brazlândia, sendo que em cada mês as atividades acontecem em uma unidade. São brincadeiras; atividades físicas; palestras sobre assuntos variados; e orientação nutricional e odontológica.