Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
3/01/20 às 15h14 - Atualizado em 3/01/20 às 15h16

Programação da viagem de férias deve incluir a atualização vacinal

COMPARTILHAR

 

É preciso buscar orientações para evitar contratempos

 

Na hora de planejar uma viagem é de grande importância verificar se as vacinas estão em dia, principalmente em destinos específicos, pois alguns países exigem determinadas vacinas. Sem contar a possibilidade do destino da viagem estar com surto de alguma doença. É sempre importante buscar orientações e evitar contratempos que possam estragar a tão sonhada viagem de férias.

 

O Ambulatório do Viajante é um serviço da Secretaria de Saúde que disponibiliza consulta para as pessoas que irão viajar para regiões com incidência de doenças infectocontagiosas, tanto no exterior como no Brasil. O objetivo da sala é prevenir doenças.

 

“É muito importante procurar o Ambulatório do Viajante antes de uma viagem. A vacina é coisa séria. As companhias áreas não permitem embarcar se a vacina não estiver em dia, e se não for vetado na companhia, pode ser barrado na imigração. Além disso, ainda tem a relevância da prevenção das doenças”, alerta o médico do Ambulatório, Fernando Moraes.

 

Na consulta, além de verificar a atualização das vacinas, também são repassadas orientações para as vacinas exigidas de acordo com os destinos.

 

“As vacinas obrigatórias para quem vai viajar depende do destino. É necessário verificar as orientações com antecedência. Mas, basicamente, a vacina obrigatória, na maioria dos países, é a de febre amarela, sobretudo nos países tropicais e subtropicais. Alguns países da África também estão exigindo a vacina da poliomielite. Ambas podem ser atualizadas no ambulatório”, pontua Fernando Moraes.

 

Para as viagens nacionais, a atualização das vacinas é de acordo com os calendários de vacinação do Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde. As salas de vacina da rede oferecem vacinas eficazes e gratuitas. Consulte as salas.

 

As consultas  também podem ser feitas para viajantes que têm um destino no país, pois além das vacinas, o ambulatório faz orientações sobre a prevenção de doenças, como as causadas por contaminação por água ou aquelas transmitidas por mosquitos.

 

ATENDIMENTO – O Ambulatório do Viajante atende por agendamento, via telefone ou pessoalmente. É preciso apresentar um documento de identificação válido e o cartão de vacina.

 

A ambulatório está localizado no Hospital Regional da Asa Norte (Hran). O atendimento é realizado de segunda a sexta, das 7h às 11h. às terças e quintas também tem atendimento à tarde, das 14h às 18h. O telefone de contato é o 2017-1900 ramais 7213/7214.

 

Após o retorno da viagem, caso apresente febre ou outros sintomas como diarreia, problemas de pele ou respiratórios, procure imediatamente um serviço de saúde mais próximo e informe quais as regiões que visitou.

 

Nivania Ramos, da Agência Saúde

Fotos: Breno Esaki/ Saúde-DF