Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
31/12/18 às 9h00 - Atualizado em 31/12/18 às 9h01

Reformas no Hospital Regional de Samambaia garantem ambiente mais agradável

COMPARTILHAR

 

Intervenções recuperaram espaços e revestimentos em 40% do edifício

 

O Hospital Regional de Samambaia (HRSam) chega ao fim de 2018 com uma estrutura muito melhor do que havia há um ano. A unidade passou por uma série de reformas que garantiram ao usuário mais conforto, e aos profissionais, melhores condições de trabalho.

 

As obras, que seguem até março de 2019, já tiveram investimento de aproximadamente R$ 900 mil, recursos da própria Secretaria de Saúde, de acordo com a Gerência de Apoio Operacional do HRSam.

 

As intervenções foram feitas a partir de um planejamento traçado em maio de 2017, dividido em diversas etapas, entre reformas mais complexas, como mudanças de paredes, as mais simples, como troca de revestimentos e pinturas.

 

Um dos destaques das obras é a recuperação do centro obstétrico do hospital, que agora oferece aos pacientes banheiros individualizados e chuveiros novos. “Também mudamos a disposição das salas de parto, dando mais visibilidade e circulação para os profissionais de saúde”, explica a diretora do HRSam, Luciana de Melo Russo.

 

Outra alteração importante foi a adequação do laboratório de análises clínicas, que agora segue à risca as exigências da Vigilância Sanitária. O local passou por modificações estruturais que garantiram uma disposição melhor das salas e uma área maior para as análises de material.

 

Laboratório de análises clínicas foi readequado conforme exigências da Vigilância Sanitária.

 

As obras abrangem cerca de 40% da área do complexo do Hospital de Samambaia, diz Maria Veridiana, gerente de Apoio Operacional do HRSam. “Grande parte das intervenções diz respeito aos revestimentos do edifício, como pinturas e forros, que são intervenções simples, mas que causam grande efeito no dia a dia dos usuários”, explica.

 

Para a diretora do Hospital, o melhor das reformas foi justamente garantir aos usuários e funcionários um ambiente mais confortável para todos. “O hospital conseguiu criar um ambiente mais agradável e com melhor condição de limpeza, uma vez que substituímos as pinturas das paredes e os assentos dos usuários para materiais que facilitam a higienização”.

 

Maria Veridiana lembra que uma unidade como o Hospital de Samambaia exige manutenção permanente e que esse é um trabalho que deve ser complementado pelo respeito do usuário ao equipamento público. “Juntos, profissionais de saúde, usuários e gestores podemos garantir um atendimento melhor em um ambiente agradável”.

 

Reformas no Hospital de Samambaia garantem ambiente mais agradável

 

Humberto Viana, da Agência Saúde
Fotos: Breno Esaki/Saúde-DF