Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
30/03/20 às 13h17 - Atualizado em 31/03/20 às 15h40

Salas de medicação das UPAs recebem poltronas novas para pacientes

Móveis acolchoados substituíram os que estavam em mau estado de conservação

 

As seis unidades de pronto atendimento (UPAs) do Distrito Federal receberam 78 poltronas acolchoadas novas para substituir as que estavam em mau estado de conservação, além de repor esse tipo de equipamento onde eles eram insuficientes.

 

Ao todo, 160 móveis desse tipo foram adquiridos pelo Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do DF (Iges-DF), que administra as unidades. As 82 restantes serão entregues ao Hospital de Base. Cada uma custou R$ 714,29 e o investimento total foi de R$ 114.286,40.

 

“Com essa nova aquisição de poltronas acolchoadas, estamos dando continuidade na renovação e reposição do mobiliário das nossas unidades. Nós já entregamos cadeiras para áreas comuns, cadeiras de rodas e de banho e diversos outros itens que vão oferecer todo o conforto necessário para o atendimento humanizado dos nossos pacientes”, ressaltou o diretor-presidente do IGESDF, Sérgio Costa.

 

COMODIDADE – As poltronas hospitalares são reclináveis, acolchoadas e com apoios para pés e braços. Elas garantirão conforto e bem estar para aqueles que passarão por procedimentos e receberão medicação nas UPAs. No Hospital de Base, poderão ser destinadas para pacientes durante sessões de quimioterapias, bem como serem usadas pelos acompanhantes, que são fundamentais no processo de internação do paciente. No Hospital de Base, também serão beneficiadas as UTI do terceiro e do quarto andar.

 

MAIS INVESTIMENTOS – Desde o ano passado, o IGESDF já fez entrega de 159 cadeiras de rodas, 300 cadeiras de banho e 968 cadeiras para áreas comuns, 64 novas macas para exames em consultório médico, 312 novas prateleiras, cinco carrinhos de emergência, três mesas cirúrgicas, 101 beliches para repouso médico, beneficiando os hospitais de Base e o de Santa Maria, além das seis UPAs do Distrito Federal.

 

Texto: Ascom/IGESDF

Fotos: Davidyson Damasceno/IGESDF