Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
29/10/20 às 14h58 - Atualizado em 29/10/20 às 15h50

Saúde recebe doação de 10 mil testes rápidos para detectar Covid-19

COMPARTILHAR

Exames foram doados pelo Sesc e Fecomércio e farão parte de um estudo de prevalência do coronavírus

 

JOSIANE CANTERLE

 

A Secretaria de Saúde recebeu a doação de 10 mil testes rápidos do tipo IgG e IgM para detecção da Covid-19 em quem já teve contato com o coronavírus. Os exames estarão disponíveis em novembro e serão utilizados para estudo de prevalência do Sars-CoV-2 no Distrito Federal contemplando 230 pessoas por Região Administrativa, escolhidas por sorteio aleatório.

 

Kits foram entregues ao secretário de Saúde, Osnei Okumoto, na sede da Fecomércio – Foto: Breno Esaki/Agência Saúde DF

 

O método da aplicação dos testes ainda está em análise pela Secretaria e as entidades que doaram os exames: o Serviço Social do Comércio (Sesc) e a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Distrito Federal (Fecomércio-DF).

 

A doação foi formalizada durante reunião nesta quarta-feira (28), na sede da Fecomércio. O secretário de Saúde, Osnei Okumoto, elogiou a qualidade do kit e ressaltou a importância de estreitar os laços com o Sesc e a Fecomércio. “Esse estudo vai permitir que a gente possa mostrar, neste tempo de pandemia, como o vírus circulou no DF”.

 

Metodologia de aplicação dos testes ainda está em estudo, mas sabe-se, porém, que serão feitos em novembro – Foto: Breno Esaki/Agência Saúde DF

 

As entidades e a Secretaria de Saúde comprometeram-se em participar da realização dos testes disponibilizando trabalhadores para aplicação dos exames. Os testes serão destinados para realizar o primeiro inquérito sorológico do DF.

 

O estudo deve ocorrer por amostragem em todas as Regiões Administrativas (RAs) do DF, por sorteio aleatório, contemplando cerca de 230 pessoas por RA. O diretor de Vigilância Epidemiológica, Cássio Peterka, explicou que o inquérito sorológico, por ser representativo, “vai dizer qual é a prevalência da doença por região”. O gestor informou que a pretensão da pasta é realizar esse estudo periodicamente para acompanhar a taxa de transmissão nas populações regionais.

 

Testes rápidos detectam se indivíduo já teve contato com o coronavírus Sars-CoV-2 – Foto: Breno Esaki/Agência Saúde DF

 

Okumoto e Peterka foram recebidos pelo presidente da Fecomércio-DF, Francisco Maia Farias, na sede da federação, e pelo diretor do Sesc regional, Marco Tulio Chaparro Rodrigues Rocha, que participou da reunião por videoconferência. Uma caixa dos testes doados foi entregue na reunião, simbolicamente, e os demais serão entregues na sede da Secretaria.