Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
10/03/15 às 17h28 - Atualizado em 30/10/18 às 15h12

Taguatinga recebe equipes do mutirão contra a dengue

COMPARTILHAR

Inspeção em residências para eliminar focos do mosquito


BRASÍLIA (10/3/15) – Uma equipe composta por 100 militares do exército, 30 agentes de vigilância ambiental da Secretaria de Saúde e cerca de 40 bombeiros uniram forças para promover uma ação de combate ao mosquito transmissor da dengue e da febre Chikungunya, nesta terça-feira (10), em Taguatinga. O objetivo foi percorrer as casas em busca de possíveis focos e, também, orientar a população sobre como prevenir.

A ação foi iniciada aos redores do Centro de Ensino Fundamental 21, na quadra do Berimbau, com a participação também do governador, Rodrigo Rollemberg; vice-governador Renato Santana; secretário de Saúde, João Batista e outras autoridades.

“Pelo segundo mês consecutivo, nós reduzimos os casos de dengue no Distrito Federal. Para os casos em que a transmissão ocorreu no Distrito Federal, tivermos 1337 registros até a nona semana de 2014 e, em 2015, 594 no mesmo período. Portanto, uma redução de 56%”, contabilizou o governador. “Essa redução é resultado de um esforço coletivo”, concluiu.

O secretário de saúde alertou que a dengue é um problema sério de saúde pública, já que a doença tem formas graves que levam à morte. “Felizmente, estamos com dados positivos. Daqui para frente, nos meses de abril e maio, períodos em que há os maiores picos da doença, temos que aumentar os esforços para não haver um aumento na incidência de casos”, enfatizou.

A primeira visita foi feita na casa da aposentada Lecy Monteiro, 72 anos. A inspeção contou com a participação do próprio chefe do executivo e das demais autoridades. “Eu cuido muito da minha casa, mas quanto mais orientações eu tiver, melhor será. Cada vez que as equipes fazem a visita eles nos ensinam sobre a prevenção”, disse a moradora.

Para receber a ajuda do exército, a SES realizou um curso para capacitação para os militares, de 3 a 6 de março. A parte prática ocorreu na Estrutural. “Estamos muito agradecidos ao exército que está nos apoiando nesse esforço de combater a dengue e previr a aparição da febre Chikungunya, bem como ao esforço do GDF que inclui a Secretaria de Saúde, Corpo de Bombeiros, Administrações Regionais e a comunidade, que tem se mobilizado para nos ajudar a combater os focos de transmissão dessas doenças”, finalizou o chefe do executivo local.