Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
15/06/18 às 19h10 - Atualizado em 30/10/18 às 14h58

Telessaúde dará suporte aos profissionais da atenção primária

COMPARTILHAR

 

Gestores da Secretaria e do Ministério durante reunião nesta sexta (15). Foto: Matheus Oliveira

 

O Distrito Federal vai ganhar o seu primeiro Núcleo de Telessaúde. Previsto para iniciar no segundo semestre, o projeto irá oferecer suporte para os profissionais da atenção primária de forma a evitar encaminhamentos desnecessários de pacientes para o nível secundário de atenção.

 

Nesta sexta-feira (15), gestores da Secretaria de Saúde reuniram-se com representantes do Ministério da Saúde e do Hospital Sírio Libanês para tratar sobre o projeto, que será apresentado aos servidores no mês de julho.

 

Com o telessaúde, os profissionais de saúde podem se comunicar, por intermédio de diversas tecnologias, com especialistas de outras unidades ou campus universitários, que poderão auxiliar no diagnóstico ou encaminhamento correto do paciente.

 

Os profissionais terão suporte por tele consultoria – encaminhamento de dúvidas e discussão, simultânea, na Central de Médicos –, tele educação – capacitação dos profissionais que compõem as equipes de saúde da família a partir de aulas gravadas – e tele diagnóstico – captação e encaminhamento de exames para discussão e laudo em conjunto com a Central de Médicos.

 

O núcleo funcionará por intermédio do Programa de Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-SUS).

 

“Nossa meta é que a atenção primária seja mais resolutiva, diminuindo o número de encaminhamentos para a atenção especializada”, destacou o secretário de Saúde, Humberto Fonseca.

 

Inicialmente, o telessaúde funcionará em quatro especialidades: endocrinologia, cardiologia, pneumologia e neurologia.

 

TEXTO: Agência Saúde

 

Saúde implantará núcleo telessaúde no DF