Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/06/19 às 17h00 - Atualizado em 24/06/19 às 17h45

Tenda de hidratação de São Sebastião será desativada

COMPARTILHAR

Demanda será absorvida pela UPA e pelas unidades básicas de saúde da cidade

 

A partir desta terça-feira (25), moradores de São Sebastião com suspeita de dengue deverão procurar assistência na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) ou nas unidades básicas de saúde da cidade. A tenda de hidratação montada na região será desativada em razão da queda na demanda de pacientes.

 

Quando ela foi montada, em 28 de maio, 151 pessoas buscaram atendimento e foram identificados 72 casos suspeitos. O número veio caindo e, neste domingo (23), apenas 12 pessoas buscaram a tenda. Com isso, a demanda já pode ser absorvida pelos serviços de saúde de São Sebastião.

 

A queda na procura e também no número de casos é tendência em todas as regiões. Em 19 de junho, outras duas foram desativadas: na Cidade Estrutural e no Varjão.

 

“Estamos monitorando os dados em todas elas e, apresentando queda, a gente desativa. A previsão, porém, é de que em 30 de junho todas sejam desativadas”, explica o subsecretário de Atenção Integral a Saúde, Ricardo Ramos. Ainda continuam em funcionamento as tendas do Guará, Itapoã, Planaltina, Sobradinho II, Samambaia, Ceilândia e Brazlândia.

 

Segundo Ricardo Ramos, essa baixa na procura também tem refletido na queda de novos casos. Agora, a maioria dos atendimentos está sendo para avaliação de retorno ou as queixas não estão relacionadas à dengue. A tendência é de que os casos continuem caindo tanto pela mudança do clima quanto pela atuação da pasta com ações de manejo e combate ao mosquito Aedes aegypti.

 

 

Alline Martins, da Agência Saúde

Foto: Breno Esaki/Saúde-DF