Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
29/09/17 às 11h12 - Atualizado em 30/10/18 às 15h18

Agentes de epidemiologia de campo participarão de treinamento

COMPARTILHAR

Objetivo é melhorar investigação de doenças de notificação obrigatória

BRASÍLIA (29/9/17) – Servidores da vigilância epidemiológica da atenção primária da Secretaria de Saúde vão participar, a partir de segunda-feira (2), da primeira turma do curso EpiSUS- Fundamental, oferecido pelo Ministério da Saúde. O objetivo da capacitação é melhorar o trabalho de identificação, notificação e investigação de casos de doenças de notificação obrigatória e eventos inusitados.

O curso terá duração de três meses, com três períodos de encontros presenciais: de 2 a 6 de outubro, 6 a 10 de novembro e 18 e 19 de dezembro. Irão participar dez servidores da Secretaria de Saúde, inscritos pelas regiões de saúde, além de dez profissionais do Ministério da Saúde e outros cinco do Estado de Goiás, em razão da proximidade com o DF.

“É um curso muito importante para nós. Vai permitir que os profissionais, ao final das idas ao campo, saibam elaborar uma nota técnica, que informa com método sobre aquela investigação que participou”, diz a gerente de Epidemiologia de Campo, Cristina Segatto.

Outras capacitações semelhantes estão previstas para os próximos anos. Segundo Segatto, a meta da Secretaria de Saúde é treinar 100% dos profissionais que atuam em campo nas regiões de saúde.

CURSO – O EpiSUS Fundamental foi implementado pelo Ministério da Saúde em março deste ano, quando foi assinada uma Carta de Colaboração entre o Ministério da Saúde, a Rede de Programas de Treinamento em Epidemiologia de Campo e Intervenções em Saúde Pública e a Rede Sulamericana de Programas de Treinamento em Epidemiologia de Campo.

O DF é a quinta unidade da Federação a participar da capacitação. Os primeiros a receber foram Ceará e Pernambuco, devido ao ciclo de sarampo que ocorreu naquelas regiões. Paraná e Amazonas também já participaram.