Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
27/05/13 às 21h43 - Atualizado em 30/10/18 às 15h05

Atendimento no Hospital de Campanha será encerrado nesta terça-feira (28)

COMPARTILHAR

Em 26 dias casos de dengue caíram 40%

Com a diminuição no número de casos novos de dengue na Regional de Saúde de Brazlândia, a Força Nacional do SUS dá por cumprida a missão assumida no início do mês de maio e vai retirar, às 13h desta terça-feira (28), o Hospital de Campanha montado no Estacionamento do HRBz.

“Houve uma redução em mais de 40% nos casos positivos, da primeira semana de atendimento para a última. 46,8 % dos atendimentos realizados hoje representam casos em acompanhamento (pacientes em retorno), o que justifica o encerramento das atividades”, esclarece o médico Paulo Lisbão, coordenador Regional de Saúde de Brazlândia.

Entre os dias 02 e 26 de maio foram atendidas 2533 pessoas no HCamp. Destas, 968 tiveram resultado positivo para a dengue, sendo  73,78 % dos casos positivos eram oriundos do Entorno, mais de 90%  de Águas Lindas de Goiás, informa o coordenador regional de Saúde de Brazlândia.

Com os níveis atuais de demanda, o pronto-socorro do Hospital de Brazlândia retorna ao ritmo habitual de trabalho, que tinha sido alterado desde o fim de abril, quando a média diária alcançava um acréscimo de trinta por cento.

O aumento de casos mais graves, que recebem fichas vermelha e amarela na classificação de risco, tornou mais demorado o atendimento aos pacientes menos graves, classificados nas cores verde e azul. Os resultados dos testes rápidos de dengue confirmavam que a grande maioria estava infectada com o vírus da doença, caracterizando situação de epidemia e a Força Nacional do SUL foi solicitada.

O Hospital de Campanha funcionou em duas tendas. Uma como sala de espera e medicação, outra com consultórios e laboratório, além de dois leitos e sala de espera. A unidade poderia comportar até doze leitos de internação, se fosse necessário.