Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
10/03/14 às 16h37 - Atualizado em 30/10/18 às 15h10

Clínicas da Família de Samambaia prestam assistência a 51 mil pessoas

COMPARTILHAR

Foco na prevenção e promoção a saúde 

O foco na manutenção da saúde, na prevenção e na reabilitação de doenças e agravos frequentes faz das Clínicas da Família referência para as famílias. Em Samambaia, 51 mil pessoas são assistidas atualmente pelas equipes de Estratégia Saúde da Família (ESF) que atuam nas quatro Clínicas da Família da localidade.

“O atendimento das clínicas da família complementa a atenção primária à saúde. Esse é um modelo de assistência de qualidade e que agrega valor ao atendimento”, disse o coordenador-geral de Saúde de Samambaia, Manoel Solange Fontes Teles.

Samambaia é a região administrativa com o maior número de clínicas da família de Brasília. São quatro unidades que promovem saúde para as pessoas que residem na área de abrangência. Dessas, três são responsáveis por atender em torno de 11 mil habitantes e uma, 18 mil.

As equipes são compostas por médico, enfermeiro, técnicos de enfermagem, agentes comunitários de saúde e, além desses, dentista e técnico em saúde bucal. Cada equipe proporciona cobertura em Saúde da Família para até 3.500 pessoas.

“Essas equipes atuam em conjunto, promovendo a saúde e o diagnóstico precoce de doenças, que quando bem controladas, evitam a procura por atendimento nos pronto-socorros e nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs)”, informa a diretora Regional de Atenção Primária à Saúde de Samambaia, Paula Garcia de Araújo.

Além das orientações e do atendimento realizado nas próprias clínicas, a busca ativa é um dos pontos fortes da Estratégia Saúde da Família. As equipes realizam visitas domiciliares, acompanhando de perto a realidade de cada morador, tornando-se referência em saúde, com orientações em vários aspectos e tomando providências para prevenir os agravos.

Doenças e casos detectados de pessoas acamadas, idosos, gestantes que não fazem acompanhamento do pré-natal; crianças sem vacinar; traumas com dificuldades de mobilidade, por exemplo, são direcionados aos serviços de saúde e discutidos em conjunto com a equipe.

Esse novo modelo de assistência da Secretaria de Saúde oferece ainda à população serviços de acolhimento, acompanhamento do crescimento e desenvolvimento de crianças e adolescentes, planejamento familiar, pré-natal, curativos, acompanhamento de doenças crônicas como hipertensão e diabetes, tuberculose, hanseníase, grupos de tabagismo, atividades educativas em saúde, atendimento a pequenas urgências e outros programas.

A Secretaria de Saúde conta hoje com nove clínicas da família: quatro em Samambaia, duas no Recanto das Emas, duas em Sobradinho e uma no Areal.

Por Iêda Oliveira, da Agência Saúde DF
Atendimento à imprensa:
(61) 3348-2547/2539 e 9862-9226