Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
22/07/13 às 17h47 - Atualizado em 30/10/18 às 15h06

Servidor de Sobradinho é cadastrado no ponto eletrônico

COMPARTILHAR

Implantação começa também no Bandeirante

Até o dia 2 de agosto servidores lotados na Coordenação Regional de Saúde de Sobradinho devem fazer o cadastramento no ponto eletrônico, sistema de controle de frequência em fase de instalação.

“A instalação do ponto eletrônico é uma forma de valorizar o bom servidor e incentivar os demais a serem cada vez melhores”, destaca a coordenadora-geral de Saúde de Sobradinho, Joana Dar'c Gonçalves da Silva, ressaltando que o procedimento dará mais transparência ao controle dos funcionários.

O cadastramento será feito das 8h às 22h, de segunda a sexta-feira, e das 8h às 12h e das 13h às 18h aos sábados, no auditório do Hospital de Sobradinho. Para efetuar o cadastro é necessário apresentar documento de identificação com foto. Servidores que estiverem afastados também devem se cadastrar, e quem perder o prazo terá de comparecer à regional em data previamente agendada.

A instalação dos equipamentos de registro do ponto já foi iniciada. Serão seis no Hospital Regional e uma em cada um dos três centros de saúde da cidade. Após um período de adaptação, o controle eletrônico entrará em vigor, possivelmente em setembro.

De acordo com a coordenadora-geral de Saúde, foram realizadas reuniões com chefias de equipe, para capacitá-las a incentivar os funcionários para efetuar o cadastro e quanto aos benefícios do novo método de controle de ponto.

Núcleo Bandeirante – Teve inicio nesta segunda-feira (22) a capacitação em monitoramento do Sistema de Ponto Eletrônico que é composta pelo Núcleo Bandeirante, Candangolândia e Riacho Fundo e Park Way. 

O treinamento começou pelas chefias, no auditório do Centro de Saúde 2 do Núcleo Bandeirante, na terceira avenida. Nos horários de 10h às 12h foram capacitados os gerentes da Coordenação Geral de Saúde e à tarde, os gerentes dos centros de saúde da regional. Nesta terça-feira (23) serão capacitados os servidores em geral, nos horários de 8h às 12h e de 14h às 18h, no mesmo auditório.

A previsão é que em meados de agosto, os servidores da regional já estejam utilizando o sistema para registro de entrada e saída, que até setembro deverá funcionar de forma experimental. Nesse período o registro de frequência ocorrerá tanto por meio eletrônico como com assinatura da folha de ponto convencional. Depois disso, estará valendo apenas o controle eletrônico.

A Sensibilização para a implantação do Sistema é promovida pela Secretaria de Saúde e durante o seminário é explicado que o ponto eletrônico é uma evolução natural do ponto de vista tecnológico. Além disso, é resultado de diversos pareceres e decisões judiciais e do Tribunal de Contas, além de atender as pressões exercidas pelo Ministério Público e da sociedade em geral, que querem, da parte da Secretaria de Saúde, um maior controle sobre a jornada de trabalho exercida pelos seus servidores.

O projeto piloto do ponto eletrônico foi implantado, no dia 1º de outubro de 2012, na Administração Central da Secretaria de Saúde e no Hospital de Base do DF. Depois disso, vem sendo estendido a todas as regionais de saúde.

Com o Sistema de Registro de Frequência – SISREF, também é possível a obtenção de um maior controle e eficiência na apuração da entrada e saída de servidores, além de possibilitar a confecção de um banco de horas, a importação e exportação de dados e um maior controle das jornadas e horários e dos horários de revezamento das escalas de serviço, de acordo com os técnicos que compõe a comissão de controle e implantação do novo registro.

Celi Gomes/Arielce Haine