Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
9/05/13 às 20h00 - Atualizado em 30/10/18 às 15h05

Enfermeiros de Ceilândia são treinados para receber gestantes usuárias de drogas

COMPARTILHAR

Capacitação nesta sexta-feira (10)

Profissionais de enfermagem que atuam no centro obstétrico do Hospital Regional de Ceilândia (HRC) participam, nesta sexta-feira (10), a partir das 8h, no auditório da ala pediátrica, de uma sensibilização para acolher de forma positiva e diferenciada a gestante usuária de crack ou outras drogas.

O objetivo da sensibilização é despertar no profissional de enfermagem a compreensão de como é o universo das puérperas usuárias de drogas. O consumo de drogas pode trazer riscos para a mulher e para o filho, por isso, a equipe deve estar preparada para prestar uma assistência diferenciada.

“A regional recebe muitas pacientes que vêm ganhar neném e são dependentes de drogas. Porém, muitas delas negam o problema e depois do parto começam a apresentar sinais e sintomas de abstinência o que afeta também os seus bebês”, explica a enfermeira da maternidade, Vilma Lobo.

A enfermeira ressalta também a importância da equipe desenvolver uma relação de confiança com estas mães desde a sua entrada no centro obstétrico até depois, no alojamento conjunto. “Se a gestante se identificasse como usuária no primeiro atendimento, poderíamos trabalhar melhor com ela, criando um vínculo de confiança e após a alta poderíamos garantir que ela fizesse um tratamento adequado para abandonar a droga”, completa Vilma.

A iniciativa é das supervisoras de enfermagem do Centro Obstétrico, Maternidade e Neonatologia, em parceira com a equipe de psicologia do HRC.

Regina Célia