Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
8/02/18 às 20h39 - Atualizado em 30/10/18 às 15h18

Governo federal apresenta dados de casos de febre amarela no DF

COMPARTILHAR

Monitoramento ocorreu de 1º de julho de 2017 a 6 de fevereiro deste ano

BRASÍLIA (8/2/2018) – Levantamento divulgado nesta semana pelo Ministério da Saúde revela que das 26 unidades da Federação analisadas pelo governo federal, apenas quatro tiveram casos confirmados e óbitos por conta da febre amarela. O período de monitoramento foi entre 1º de julho de 2017 a 6 de fevereiro deste ano.

O Distrito Federal está entre as unidades com registro da doença. No período de monitoramento, foram notificados 33 casos de febre amarela suspeitos na região – 19 foram descartados e 13 permanecem em investigação.

Houve, ainda, um caso confirmado, que evoluiu para óbito. Foi a primeira morte autóctone, ou seja, de uma pessoa residente no DF e que não deixou a região nos 15 dias anteriores à morte.

Conforme os dados apurados pelo Ministério da Saúde, o estado que apresentou o maior número de casos confirmados até o momento foi São Paulo, com 161, seguido de Minas Gerais (157) e Rio de Janeiro (34). Quanto aos óbitos, Minas está à frente com 44, depois São Paulo (41) e Rio de Janeiro (12).