Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
21/03/18 às 20h15 - Atualizado em 30/10/18 às 15h19

Hospital da Criança é modelo para o mundo, diz diretor-geral da OMS

COMPARTILHAR

Dirigente conheceu o trabalho do SUS no Distrito Federal

BRASÍLIA (21/3/18) – Referência no atendimento de alta complexidade pediátrica, o Hospital da Criança de Brasília José Alencar (HCB) recebeu, nesta quarta-feira (21), a visita do diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom. Acompanhado pelo governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, e do secretário de Saúde, Humberto Fonseca, Tedros, que está em sua primeira visita oficial ao Brasil, conheceu o trabalho das equipes do hospital e pode obter detalhes sobre a atuação do Sistema Único de Saúde (SUS) no Distrito Federal.

O dirigente máximo da OMS não escondeu sua satisfação com a estrutura e o atendimento humanizado no HCB. “Mais que a edificação, o que observei em minha primeira visita [em março de 2017, ainda como candidato à direção da OMS] foi a proximidade dos enfermeiros e médicos com os pacientes e o modo como tratavam as crianças”, explicou Tedros. “Sem qualquer exagero, esse hospital poderia, facilmente, servir de modelo para o mundo”, elogiou.

internaoms 1

O governador Rodrigo Rollemberg ressaltou a importância da visita do diretor-geral da OMS ao HCB. “Receber a maior autoridade de saúde do mundo, para reconhecer a qualidade do HCB nos deixa muito felizes”, afirmou. “A ampliação desse hospital permitirá atender mais crianças com o mesmo nível de excelência de hoje”, completou o chefe do Executivo.

Defensor da ampliação da atenção primária, Tedros também fez referência à Estratégia Saúde da Família, modelo adotado no DF. “Tivemos a convicção de que estamos no caminho certo. Ele falou da importância de trabalhar os fatores de risco que causam adoecimento da população, mencionando a estrutura das nossas equipes ESF”, observou o secretário Humberto Fonseca.

Eleito em 2017, Tedros tornou-se o primeiro diretor-geral da OMS de origem africana. Nascido na cidade de Asmara, Eritreia, já ocupou os ministérios da Saúde e dos Negócios Estrangeiros da Etiópia. É Mestre em Imunologia de Doenças Infecciosas pela Universidade de Londres e PhD em Medicina Comunitária pela Universidade de Nottingham.

COMITIVA – No Hospital da Criança, a comitiva começou a visita pela Unidade de Terapia Endovenosa, onde parou para conversar com o pequeno Victor Hugo, um dos pacientes em tratamento no local. Por onde passava, Tedros fazia questão de deixar mensagens positivas.

internaoms 2

Em seguida, a comitiva esteve nas obras do Bloco II, onde o secretário Humberto Fonseca apresentou a ele informações sobre a conclusão da obra e a estrutura do bloco, que está com 95% do serviço executado. 

Com o novo complexo, o número de leitos passará de 18 para 220. O hospital também terá centro cirúrgico com cinco salas, sendo duas conjugadas para transplantes, centro de diagnóstico especializado, centro de ensino e pesquisa, hemodiálise, hemoterapia, quimioterapia, entre outros serviços.

internaoms 3

Na saída, Tedros passou pela brinquedoteca, onde parou mais uma vez para conversar com crianças e profissionais de saúde.

A unidade, que é 100% pública, realizou, desde a sua inauguração, em novembro de 2011, até o final de fevereiro de 2018, mais de 2,7 milhões de atendimentos.

internaoms 4

PROGRAMAÇÃO – De acordo com a Organização das Nações Unidas no Brasil, a visita oficial do dirigente prossegue até amanhã (22) e, em sua agenda, entre outras coisas, estão discussões sobre uma possível cooperação técnica entre o Brasil e a Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (Opas/OMS).

Tedros visitará, ainda nesta tarde, a Unidade Básica de Saúde nº 1 do Itapoã, localizada na Quadra 378, Conjunto L, Área Especial S/N. A unidade possui nove equipes de saúde da família, cada uma responsável por assistir, em média, 3.750 pessoas.