Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
26/06/13 às 13h54 - Atualizado em 30/10/18 às 15h06

HRSM realiza evento da Rede Cegonha para reforçar Política Nacional de Humanização

COMPARTILHAR

Programa cuida das gestantes, recém-nascidos e crianças de até dois anos

O Hospital Regional de Santa Maria (HRSM) mostrou mais uma vez a preocupação com a implantação da Política Nacional de Humanização (PNH) e promoveu, terça-feira (25), um evento relacionado ao programa Rede Cegonha do Ministério da Saúde. O programa cuida das gestantes, recém-nascidos e crianças de até dois anos – para as mães da maternidade. O HRSM realizou, no mês de maio, cerca de 400 partos.

Na abertura, a diretora do HRSM, Josélia Nunes, falou para as mães a importância da PNH na rede de saúde e lembrou da ampliação da visita na maternidade, que começou na semana passada. “Os pais desempenham um papel importante na maternidade acompanhando as mães e a visita deles é essencial”. A coordenadora da maternidade Dra. Aline Candido também falou da visita ampliada. “É importante já que muitos pais não conseguiam vir visitar a família por causa do horário”.

Em seguida a chefe do banco de leite do HRSM Karistenn Brandt fez uma palestra sobre amamentação, onde orientou as mães sobre a forma correta do procedimento, da importância do leite materno na vida dos bebes – principalmente até o sexto mês – e ressaltou também a doação de leite para os recém-nascidos que estão internados nas UTI’s. Ela finalizou a palestra dizendo que “a amamentação aumenta o vinculo e é prazeroso porque é uma troca direta de carinho entre a mãe e o filho”.

Para Adriana Santos, mãe da recém-nascida Maria Luisa, a palestra foi interessante, pois “aprendi vários cuidados importantes no processo de amamentação da minha filha”. No final do evento foi oferecido um lanche para os participantes e as mães ganharam uma bolsa com o símbolo da Rede Cegonha para carregar os pertences dos bebes.

A Rede Cegonha disponibiliza benefícios como consultas regulares no pré-natal, realização de exames, parto com segurança e com direito a acompanhante de livre escolha, atenção às crianças de 0 a 2 anos e prevenção e tratamento da sífilis, DST/AIDS e Hepatites.

Leia também...