Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
16/11/17 às 10h14 - Atualizado em 30/10/18 às 15h18

Mostra de Experiências Inovadoras do SUS seleciona 193 trabalhos

COMPARTILHAR

Foram recebidas 575 inscrições, das quais 558 foram validadas

BRASÍLIA (16/11/2017) – A I Mostra de Experiências Inovadoras no Sistema Único de Saúde no Distrito Federal selecionou 193 trabalhos entre as 558 inscrições validadas na iniciativa. Ao todo, foram recebidas 575 inscrições, superando a expectativa dos organizadores da mostra, que premiará trabalhos em sete categorias. 

Na categoria Atenção primária à saúde e vigilância em saúde foram selecionados 58 trabalhos; em Regionalização e conformação das redes de atenção à saúde 32 experiências foram escolhidas; na categoria Regionalização e aplicação das ferramentas de planejamento nove propostas serão avaliadas e em Participação social houve seis selecionados.

Já na categoria Gestão do trabalho e da educação em saúde no âmbito do SUS no DF, 39 trabalhos foram selecionados; em Desenvolvimento e aplicação de tecnologias para qualificação da assistência e da gestão do SUS DF 40 experiências foram escolhidas e na categoria Voluntariado e parcerias com organizações não governamentais oito iniciativas passarão pelo crivo da comissão julgadora.

A próxima fase será a apresentação oral dos selecionados. Os escolhidos receberão um e-mail com as devidas orientações. O evento – promovido nos dias 5 e 6 de dezembro com a participação de servidores, usuários, gestores e parceiros – dará visibilidade e reconhecimento a iniciativas exitosas na rede. Outro objetivo é estimular a transferência de conhecimento e tecnologias entre as regiões de saúde e demais estruturas.

A mostra competitiva terá premiações em dinheiro e viagens. Para as três equipes melhor colocadas de cada categoria, o prêmio será de R$ 1.785 mil para o primeiro lugar, R$1,5 mil para o segundo e R$ 1 mil para o terceiro. Os primeiros colocados de cada tema ganharão ainda viagens para conhecer a sede da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro, e a Clínica da Família de Biomanguinhos, entre outras viagens nacionais.

A Organização Panamericana de Saúde atribuirá prêmio especial para a melhor experiência de Atenção Primária à Saúde e Vigilância em Saúde. O vencedor realizará uma viagem internacional de estudo para conhecer uma experiência de atenção primária no exterior.

O Centro de Excelência de Combate à Fome da Organização das Nações Unidas (WFP/ONU) também selecionará e destinará um prêmio especial para uma experiência – apresentada entre os concorrentes da terceira etapa – relacionada às áreas de atuação da entidade. Entre elas, o enfrentamento à desnutrição e carências nutricionais, proteção social por meio da alimentação e nutrição, bem como enfrentamento às condições e doenças crônicas relacionadas a má alimentação.

ETAPAS A seleção foi realizada em três etapas. A primeira consistiu na conferência dos requisitos de preenchimento de todos os campos obrigatórios do formulário. Na segunda fase, a banca examinadora julgou critérios como: pertinência do trabalho ao tema da mostra, reprodutibilidade, clareza, alinhamento aos princípios e diretrizes do SUS, bem como relação com o objetivo de fortalecer, integrar e qualificar a Rede de Atenção à Saúde do Distrito Federal.

A terceira etapa encerra o ciclo, com a escolha das experiências para premiação. Serão analisadas a relevância, o impacto e a aplicabilidade, a ampliação do acesso e/ou a melhoria da qualidade do serviço, e o caráter inovador da proposta, entre outros itens.

Dúvidas podem ser tiradas no e-mail mostrasusdf@gmail.com.

CRONOGRAMA
Apresentação das experiências na mostra: 5 e 6 de dezembro de 2017
Horário: das 8h às 18h
Local: Instituto Serzedello Corrêa/Escola de Governo do Tribunal de Contas da União.