Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
10/02/15 às 15h53 - Atualizado em 30/10/18 às 15h11

Novos membros do Conselho de Saúde do DF tomam posse

COMPARTILHAR

Cerimônia foi pautada pelo decreto que declarou situação de emergência na saúde

BRASÍLIA (10/2/15) – Os novos membros titulares do segmento de gestores do Conselho de Saúde do Distrito Federal (CSDF) tomaram posse nessa terça-feira (10). Entre eles estavam o secretário de Saúde, João Batista de Sousa, alguns subsecretários da pasta e representantes do Hemocentro e da Fundação de Ensino e Pesquisa em Ciências de Saúde (Fepecs). A abertura da solenidade contou com a presença do governador do DF, Rodrigo Rollemberg.

O encontro foi pautado pelo Decreto nº 36.279, de 19 de janeiro deste ano, no qual o governador declarou situação de emergência da saúde pública no DF. O subsecretário de Gestão Participativa, Tiago Coelho, leu o conteúdo do decreto e expôs as justificativas para tal medida. Também foram expostos os itens do termo de cooperação técnica firmado entre a Secretaria de Saúde e o Ministério da Saúde.

O secretário de Saúde também lembrou o porquê deste decreto: “Chegamos à Secretaria visualizando uma situação crítica. De 851 itens de medicamentos, estivemos com 314 zerados. Escalas médicas incompletas, salários atrasados”, enumerou João Batista, lembrando que muitos dos problemas encontrados só estão podendo ser resolvidos devido ao estado de emergência. “A internet, por exemplo, começou a ser restabelecida ontem graças a isso”, disse.

A reunião do conselho durou toda a manhã e outros temas mais específicos, ligados à área de saúde, também foram tratados, como o combate à dengue e a possibilidade de trazer mais profissionais para atuarem na rede pública.

CSDF – O Conselho de Saúde do DF é um órgão vinculado à Secretaria de Saúde, tem caráter permanente e deliberativo. A missão do conselho é deliberar, fiscalizar, acompanhar e monitorar políticas públicas de saúde. É competência do Conselho, dentre outras, aprovar o orçamento da saúde do DF assim como, acompanhar a sua execução orçamentária. Também cabe ao pleno do CSDF a responsabilidade de aprovar a cada quatro anos o Plano de Saúde do DF.