Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/10/17 às 11h11 - Atualizado em 30/10/18 às 15h18

Orquestra Sinfônica abrirá premiação do Inova Brasília

COMPARTILHAR

Servidores da Saúde têm quatro trabalhos entre os finalistas

BRASÍLIA (24/10/17) – Os vencedores do Prêmio Inova Brasília serão anunciados em cerimônia oficial ao som da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Cláudio Santoro, no dia 26 de outubro, no Cine Brasília, a partir das 19h. A premiação é uma iniciativa da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag) e reconhecerá os trabalhos inovadores desenvolvidos por servidores no governo de Brasília.

Nas etapas classificatórias, foram selecionados 18 trabalhos, de oito pastas, sendo: três da Seplag; quatro da Secretaria de Saúde; quatro do Serviço de Limpeza Urbana; dois da Controladoria-Geral do Distrito Federal; dois do Instituto do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos do Distrito Federal; um da Agência de Fiscalização; um da Secretaria da Casa Civil, Relações Institucionais e Sociais; e um da Secretaria de Políticas para Crianças, Adolescentes e Juventude.

O objetivo da premiação é valorizar e estimular o trabalho em equipe e promover o reconhecimento dos servidores que atuam de maneira empreendedora e comprometida com iniciativas que modernizem a Administração. Em disputa, estão os troféus com o título de melhor iniciativa da categoria, além uma quantia de R$ 5 mil.

Os recursos para o pagamento do prêmio em dinheiro vêm do Fundo Pró-Gestão, que tem como finalidade a realização de ações de desenvolvimento e capacitação de recursos humanos, com foco na melhoria do atendimento ao público. O fundo é mantido com as contribuições de taxas de inscrição em concursos públicos; doações de pessoas físicas, jurídicas e organismos nacionais e internacionais; repasses feitos pelo governo; entre outros recursos previstos em lei.

CRITÉRIOS – Vencerá o prêmio o programa que melhor atender aos critérios de relevância, caráter inovador, efetividade dos resultados, possibilidade de multiplicação e desenvolvimento de parcerias, além de aspectos de sustentabilidade e custo-benefício.

CATEGORIAS:
Atendimento ao cidadão: irá avaliar ações que priorizem a melhoria da qualidade de vida do atendimento prestado diretamente ao cidadão, a fim de facilitar a relação com a administração pública e ampliando a oferta de serviços;

Uso eficiente dos recursos públicos: irá avaliar ações orientadas para a utilização eficiente, adequada e responsável dos recursos públicos, privilegiando iniciativas que priorizem a redução de custos e elevação de produtividade, no atendimento às demandas da população;

Valorização do Servidor: irá avaliar ações direcionadas ao desenvolvimento dos processos de gestão de pessoas, melhoria da qualidade de vida no trabalho, com foco na valorização pessoal e também profissional do servidor público.

Práticas transformadoras: irá avaliar ações que se caracterizem por práticas inovadoras de intervenção na realidade, promovam mudança de conceitos, desenvolvam novos valores e atitudes, criem novas possibilidades e produzam resultados sociais diferenciados.