Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
26/10/17 às 10h01 - Atualizado em 30/10/18 às 15h18

Safari Baby será tema de ensaio fotográfico na UTI Neonatal do HRC

COMPARTILHAR

Em oficinas de terapia ocupacional, mães confeccionam fantasias dos recém-nascidos

BRASÍLIA (26/10/17) – Girafa, porquinho, cachorro, zebra, leão e macaco. Essas são as opções de fantasias que podem ser confeccionadas pelas mães para que os bebês internados na UTI Neonatal participem do um ensaio fotográfico Safari Baby, no Hospital Regional de Ceilândia. As fotografias serão feitas por voluntários na sexta (27) e na terça-feira (31).

“Essa atividade contribui, principalmente, para reduzir os impactos negativos da hospitalização, porque essas mães ficam aqui muito tempo, aumentam o estresse e se sentem angustiadas. Com essa oficina, elas ficam relaxadas e fortalecem o vínculo mãe, bebê e equipe”, disse a terapeuta ocupacional Hellen Delchova, responsável, juntamente com a pediatra Patrícia Carrilho, a enfermeira Marina França e a equipe de tutoras do método Canguru do HRC, por desenvolver o projeto desde a primeira edição, em 2016, com o tema super-heróis.

Até agora, foram feitas 10 fantasias utilizando o material EVA – borracha não tóxica usada por artesãos, produzida com mistura de alta tecnologia de etil, vinil e acetato, que pode ser higienizado para que os bebês de baixo peso ou que estão internados possam usar. Os moldes foram desenhados pela própria terapeuta ocupacional. O material foi doado pelos servidores que são tutores do Método Canguru, uma política preconizada pelo Ministério da Saúde que preza pelo tratamento humanizado dos nascidos com baixo peso.

A mãe Iara Ribeiro, 18 anos, que escolheu a fantasia de girafa para Nícolas Sampaio, conta que a atividade contribui para que ela se sinta mais próxima do filho. “Meu bebê prematuro nasceu há três meses. No começo, me desesperei porque soube que deveria permanecer no hospital por mais três ou quatro meses. Mas, agora, meu filho está melhor. Acho que ele ficará bem fofo. Esse é um projeto lindo”, disse.

Iara Ribeiro

Andréia Martins, 22 anos, mãe de Victor Gabriel Martins, também escolheu a fantasia da girafa para vestir o filho, nascido há apenas 10 dias. “Sinto-me muito feliz de participar dessa oficina. Essa é uma oportunidade única. Além de as fantasias serem lindas e meu filho ser fotografado, eu me distraio durante a confecção e me esqueço um pouco dos problemas”, contou.

As oficinas para produzir as fantasias serão realizadas até a próxima terça-feira (31). Após a produção das fotografias, será feita uma exposição que começa em 13 de novembro e vai até o fim do mês. Ao fim, as mães também receberão entre três e cinco fotos reveladas dos seus bebês.

Confira aqui a galeria de fotos.