Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
11/07/17 às 14h01 - Atualizado em 30/10/18 às 15h18

Saúde adota documentação exclusivamente em meio digital

COMPARTILHAR

Medida aumenta a produtividade e reduz custos

BRASÍLIA (11/7/17) – A partir desta quarta-feira (12), a Secretaria de Saúde entra em uma nova fase com a tramitação de documentos feita exclusivamente por meios digitais. A medida, que se estende a todas as unidades, foi possibilitada por meio da implantação do Sistema Eletrônico de Informações (SEI).

Com essa nova ferramenta, os servidores da Secretaria de Saúde utilizarão o sistema tanto para a produção de documentos administrativos quanto requisições de caráter pessoal, como abonos, férias, licenças e aposentadoria. Apenas registros clínicos e dados já registrados no sistema TrakCare ficarão fora do SEI.

O programa foi desenvolvido pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região e está sendo implantado gradativamente nos órgãos do Governo de Brasília. A expectativa é que até 2019 todas as instituições públicas do Distrito Federal operem com essa ferramenta, que aumenta a produção pela rápida tramitação e reduz custos com papel, gerando economia aos cofres públicos.

TREINAMENTO – Para a extinção do modelo tradicional de documentos, com o uso de papel, a Secretaria de Saúde promoveu diversas capacitações para os servidores. Caso o profissional ainda não tenha sido orientado sobre o uso desta plataforma, deverá buscar informações no Núcleo Permanente de Educação em Saúde presente nas unidades da rede ou na Gerência de Educação em Saúde.           

Facilitando ainda mais o acesso do servidor a esta nova fase tecnológica, o treinamento para operação do SEI está disponível em formato online, a distância. Basta acessar o Portal Sei. Para dúvidas, entre em contato pelo e-mail do Protocolo Geral da SES,  ou pelo endereço eletrônico da Coordenação Especial de Tecnologia de Informação em Saúde, suporteti.saude.df.gov.br.