Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
21/08/13 às 21h38 - Atualizado em 30/10/18 às 15h06

Saúde lança programa pioneiro de atendimento a autores de violência sexual

COMPARTILHAR

Atendimento humanizado para prevenção de reincidências

O Distrito Federal saiu na frente dos demais estados da federação ao lançar nesta quarta-feira (21), o serviço de Atenção Integral a Saúde da Pessoa Autora de Violência Sexual – PAV Alecrim, no auditório do Laboratório Central (LACEN), na Asa Norte.

Segundo a coordenadora do Núcleo de Estudos e Programas na Atenção e Vigilância em Violência (Nepav), Lucy Mary Stroher, “o programa oferecerá um serviço de atendimento humanizado e especializado à pessoa adulta autora de violência sexual, a partir da construção de novas tecnologias de intervenção psicossocial para potencializar o desenvolvimento de relações sociais não violentas e a prevenção de reincidências”.

O PAV Alecrim faz parte da Subsecretaria de Vigilância a Saúde (SVS), da Secretaria de Saúde do Distrito Federal. Os autores de abuso sexual serão encaminhados judicialmente, após cumprirem pena de reclusão, para atendimento no PAV Alecrim. Eles serão assistidos por uma equipe multidisciplinar especializada, composta de psicólogos, psiquiatra e assistente social.

A proposta do PAV Alecrim faz parte de um Plano Nacional de enfrentamento à violência sexual contra crianças e adolescentes, que contribuirá para a redução da morbimortalidade e dos agravos da população em situação de violência em todas as faixas etárias.

A equipe do PAV Alecrim, que é composta por psicólogos, psiquiatra e assistente social, realizará o acompanhamento no formato grupal, incluindo também atendimentos individuais e familiares, com duração prevista de seis meses.

Júlio Duarte