Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
12/03/14 às 21h18 - Atualizado em 30/10/18 às 15h10

Saúde reforça atendimento no Dia Mundial do Rim

COMPARTILHAR

Hospital de Taguatinga realiza triagem clínica

Em comemoração ao Dia Mundial do Rim, o Hospital Regional de Taguatinga (HRT), por intermédio da Unidade de Nefrologia, realiza nesta quinta-feira (13), das 08h às 12h, campanha de conscientização de cuidados sobre o rim. O objetivo do evento que é criado pela Sociedade Internacional de Nefrologia e a Federação Internacional de Fundações do Rim, é chamar a atenção da população sobre as questões relacionadas à Doença renal Crônica (DRC).

“Neste ano, a campanha vem com o tema ‘Dia Mundial do Rim – 1 em 10. O rim envelhece, assim como nós’. Por isso, nesta data queremos motivar as pessoas para o auto cuidado e autoconhecimento”, declara o chefe da Nefrologia do HRT, Sávio Ananias Agresta.

Durante o evento, servidores de diversas categorias (nefrologia, enfermagem, psicologia, nutrição, serviço social e estagiários de enfermagem), realizarão aferição de pressão arterial, medição de glicose e orientação com folhetos informativos sobre prevenção de doenças renais.

“Nunca tinha sofrido nenhum sintoma de doença renal, até o dia que tive uma crise hipertensiva, isso há um ano. De lá para cá, descobri que precisava de hemodiálise e desde então venho sendo tratado pelo HRT. Com o tratamento, sinto-me com saúde e qualidade de vida”, diz o paciente Carlos Silva, morador de Taguatinga e técnico em telecomunicações.

Atualmente, a DRC é considerada um problema de saúde pública mundial, sendo que em todo o mundo, mais de um milhão de pessoas realizam diálise renal (tratamento que substitui a função que os rins deixaram de realizar) e tantos outros milhões de pacientes apresentam algum grau de perda da função renal.

“Nesta edição, a campanha vai reforçar à população sobre a importância dos d a prevenção das doenças renais. Todo o cuidado é fundamental para evitar que o paciente necessite passar por um processo doloroso, contínuo e desconfortável com invasões corporais, que é a hemodiálise” declara o coordenador-geral de Saúde de Taguatinga, Otávio Augusto de Siqueira.

Em 2013, a Unidade de Nefrologia do HRT realizou 3.276 consultas ambulatoriais; 7.848 curativos e 7.068 hemodiálises (filtragem sanguínea por intermédio de uma máquina – “rim artificial”).

Por Claudete Nascimento
Atendimento à imprensa:
(61) 3348-2547/2539 e 9862-9226