Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
14/03/18 às 10h45 - Atualizado em 30/10/18 às 15h19

Secretaria apresentará prática integrativa inovadora em congresso internacional

COMPARTILHAR

Técnica de redução do estresse é feita na UBS 2 de Brazlândia

BRASÍLIA (14/2/18) – A Secretaria de Saúde, representada pelo médico pediatra e hebiatra (especialista em saúde do adolescente) Marcelo Amaral, participa nesta semana do 1º Congresso Internacional de Práticas Integrativas e Complementares e Saúde Pública, promovido pelo Ministério da Saúde, no Rio de Janeiro (RJ), até esta quinta-feira (15).

No evento, Amaral apresentará, nesta quarta-feira (14), a prática integrativa inovadora chamada T.R.E. (Tension Releasing Exercises), efetiva na redução do estresse e de sintomas psicossociais. O projeto foi desenvolvido pelo Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf) e pelas três gerências de serviços de Atenção Primária de Brazlândia.

Os exercícios de T.R.E. induzem tremores espontâneos no corpo que permitem descarregar o nível de ativação do sistema nervoso autônomo, relacionado a muitos dos sintomas de estresse e de transtornos mentais. Entre outros benefícios, essas vibrações produzem relaxamento, restauração do sono, alívio de estresse, de medos e de fobias.

Marcelo Amaral foi pioneiro na aplicação da prática na Secretaria de Saúde, introduzindo-a na Unidade Básica de Saúde (UBS) 2 de Brazlândia há oito anos. Praticado em um grupo por jovens e adultos, beneficiou milhares de pessoas com queixas emocionais. Agora, os exercícios também são oferecidos no Itapoã, na UBS 1 (Condomínio Del Lago II), e em Ceilândia, na UBS 3, localizada na QNM 17.

“É uma oportunidade de divulgar internacionalmente um trabalho pioneiro que foi introduzido no SUS [Sistema Único de Saúde], em Brazlândia, desde 2010. O trabalho cresceu, amadureceu e agora estamos colhendo frutos”, ressaltou o pediatra.

Em 2017, a T.R.E. conquistou o primeiro lugar no 1º concurso de Boas Práticas em Atenção Psicossocial no DF e foi selecionado na 1ª Mostra de Experiências Inovadoras no Sistema Único de Saúde (SUS) do Distrito Federal.

HISTÓRICO – Desenvolvido por David Berceli, terapeuta norte-americano, a T.R.E. foi inicialmente utilizado para aliviar sintomas relacionados a situações de estresse extremo em contextos de catástrofes e desastres, como guerras e terremotos. Atualmente, a técnica é praticada em mais de 40 países e é cada vez mais usada para reduzir a ansiedade e as tensões físicas provocadas pelo estresse do dia a dia.

CONGRESSO – Na programação do congresso internacional, constam nomes de referência no cenário mundial das práticas integrativas e a participação de representantes de instituições como a Organização Mundial da Saúde (OMS) e a Organização Panamericana de Saúde (Opas), além de diversos países que já as utilizam ou têm interesse em introduzí-las nos sistemas nacionais de saúde. 

Confira a galeria de fotos.