Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
19/01/16 às 19h03 - Atualizado em 30/10/18 às 15h14

Secretário participa da primeira reunião de 2016 do Conselho de Saúde

COMPARTILHAR

Encontro foi entre gestores, usuários e trabalhadores

BRASÍLIA (19/1/16) – A abertura dos trabalhados do Conselho de Saúde do Distrito Federal (CSDF) em 2016 foi marcada, nesta terça-feira (19), pela realização de uma reunião entre gestores, usuários e trabalhadores, e contou com a presença do secretário de Saúde, Fábio Gondim, e do presidente do conselho, Helvécio Ferreira.

Para Gondim, embora a pasta ainda tenha muitos desafios para serem enfrentados, 2016 será um ano em que a população começará a perceber com mais ênfase as mudanças que refletirão na melhoria do atendimento nas unidades de saúde.

“A Saúde tropeçou em muitos problemas, principalmente, em razão das dívidas de 2014 que paralisaram diversos setores. Por outro lado, sabemos que temos muitas conquistas. Tenho muita convicção de que, em 2016, vamos ver o resultado de ações estruturantes e isso vai começar a ficar evidente na ponta”, disse.

Gondim falou ainda sobre a nomeação, neste mês, de 1.455 novos concursados, bem como do processo de descentralização da Secretaria de Saúde, que proporcionará mais autonomia para que os gestores possam resolver gargalos que dificultam o atendimento. ” Posso citar também avanços como o maior controle do estoque de medicamentos, reabastecimento de diversos insumos e, em cinco meses, o cumprimento das escalas dos profissionais também melhorou em 20%”, citou.

Durante o encontro, os conselheiros também trataram da comunicação e da interlocução institucional. “Quem estrutura a política de saúde são os trabalhadores e gestores, que devem dialogar em um mesmo ambiente. Por isso, todos os assuntos devem ser tratados nesta mesa de negociação”, finalizou o presidente do CSDF, ao destacar que as expectativas para 2016 são as melhores possíveis.

Também participaram da reunião os presidentes do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Saúde de Brasília (SindSaúde), Marli Rodrigues, e do Sindicato dos Auxiliares e Técnicos de Enfermagem do Distrito Federal, João Cardoso.

Galeria de fotos

Leia também...